Operação integrada da PM reforça policiamento na orla de Maceió

(Crédito: Assessoria-PM/AL)

(Crédito: Assessoria-PM/AL)

PM/AL

A orla de Maceió – um dos cartões postais do estado, que atrai diariamente milhares de moradores e turistas pelas belezas naturais e a estrutura de lazer, principalmente aos domingos, quando a avenida Sílvio Viana é fechada para diversas opções de entretenimento, a exemplo do programa “Vem Ver a Banda Tocar”, da Polícia Militar – agora passa a contar com segurança reforçada através da operação integrada “Azul Piscina”.

De acordo com o comandante da operação, capitão Mário Palmeira, são empregados cerca de 55 policiais, envolvendo o Batalhão de Radiopatrulha (BPRP), o canil do Batalhão de Operações Especiais (Bope), do Grupamento Aéreo, com a o helicóptero do Bope, com apoio de policiais da Operação Litorânea Integrada (Oplit), através do policiamento a pé, com viaturas e motocicletas.

O objetivo da operação consiste no combate ao consumo e tráfico de entorpecentes, garantindo segurança e bem estar às famílias que frequentam o local. Nesse sentido, as câmeras do videomonitoramento tem auxiliado com informações que são repassadas em tempo real ao policial que está no terreno, potencializando e aumentando a eficiência das abordagens.

Ainda segundo o oficial, nesse último domingo foi apreendido um menor com entorpecentes na rua fechada, sendo o mesmo encaminhado para a Central de Flagrantes, no Farol, onde foram adotadas as medidas legais em acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

“Não vislumbramos prioritariamente a repressão por si só, pois evitamos o confronto em locais de aglomeração de pessoas, queremos através da ostensividade das nossas ações evitar que o crime venha a ocorrer, desestimulando pessoas mal intencionadas em permanecer no local”, salientou.

Comentários Facebook

comentários

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top