Último adeus ao Caio

Na tarde da última quinta-feira (29/05), o último adeus foi dado à Caio Moraes, morador do Complexo do Alemão, moto-taxista e pai de dois filhos. O Caio foi atingindo durante uma manifestação na Grota no dia 27/05, uma manifestação sobre a prisão de “Romário”, preso na última segunda-feira (26).

Todos os moto-taxistas do Alemão pararam o serviço para acompanhar o velório e enterro. Ao chegarem no local, cantavam “Era só mais um Silva” emocionando quem já se encontrava lá. Faixas com palavras de ordem, foram colocadas em frente ao cemitério, em forma de protesto a morte.

Daniel Mendes, 28, morador e moto-taxi da Nova Brasília, conversou com o Voz.
– Muito triste. Não da pra acreditar que isso aconteceu com o Caio. –

Na hora de enterra-lo, todos caminharam em silêncio até o túmulo e após, cantaram o Hino do Flamengo, em homenagem ao jovem de 20 anos, que teve sua vida e sonhos interrompidos de forma tão brutal.

Ao final, uma via da Avenida Brasil foi fechada para que os moto-táxis pudessem voltar para o Complexo de Alemão. Chegando aqui, alguns pontos da comunidade foram percorridos por eles, em conjunto, protestando mais uma vez.

Moradores do Complexo do Alemão protestando contra a morte do Caio

Moradores do Complexo do Alemão protestando contra a morte do Caio – Foto: Daiene Mendes

Comentários Facebook

comentários

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top