Fotografias penduradas em varais rodearão a Praça do Conhecimento hoje, dia 21 de junho

Sempre com uma expressão popular como tema, o coletivo O Estendal vai representar, em 30 fotografias “palpáveis”, o tema “as paredes têm ouvidos”.  No dia 21 de junho, às 10h, o grupo formará um varal fotográfico no entorno do Centro de Cultura Digital Praça do Conhecimento, no Complexo do Alemão, com participações de artistas cariocas e curitibanos.

O Estendal é uma ação cultural promovida por um grupo de fazedores de imagens com convidados e agregados que leva para ruas e praças públicas imagens pensantes ou pensamentos imagéticos. A fotografia contagia por captar momentos e eternizá-los. A luz configura e compõe formas carregadas de energia criando uma sintonia peculiar com o receptor estagnado em percepções diversas. Signos são construídos a partir da interpretação individual, arte e fotografia caminham lado a lado na formatação do pensamento através do inusitado ou da espontaneidade.

Como que brincando de fazer arte, o grupo parte de uma expressão da língua portuguesa para fotografar, ou rebuscar em arquivos, imagens que traduzam o tema de alguma maneira bastante própria e individual. As ideias são literalmente penduradas em varais esticados em espaços de convivência, expostos ao sabor do vento e da degustação dos olhares curiosos de transeuntes afoitos, como um descanso na loucura estressante diária das ruas de grandes cidades.

A curadoria de “as paredes têm ouvidos” é do artista e professor paranaense Roberto Pitella. “Se as paredes tem ouvidos, é porque tem um lugar de afetos, um abrigo de imaginação e de diferenças. Penso estes varais como coleção. Uma coleção de descobertas, de olhares, de memória, de desejos. Uma coleção de diferenças, onde uma imagem cohabita com a outra. Uma proposta de vida”, resume Roberto.  E complementa: “hoje as modernas ‘paredes de informações’ devassam tudo: abrigam amores, revoltas, desejos, contam pedaços de histórias, unem e separam”.

As atividades não param por aí. Além do varal, será plantado um Jardim Fotográfico, uma ideia de Roberto Pitella que já passou pelo Parque Lage, no Jardim Botânico, Curitiba, Montevideo, Havana, Salvador e agora aporta em pleno Complexo do Alemão. Em meio a flores e plantas diversas, fotografias farão parte desta composição natural. E para ficar ainda melhor, os visitantes terão total liberdade para colher uma foto e levar como lembrança. Com apoio da Lomography Rio, essa ação está aberta a todos os amantes da fotografia que não podem estar presentes, mas gostariam de participar do Jardim Fotográfico. Basta deixar sua flor, ops… foto, na loja da Rua Barata Ribeiro, 369 B – Copacabana.

A ideia é promover interação direta com o público participante que, no fim do dia, irá compartilhar projeções de fotografias de Fábio Seixo, Daniela Dacorso, Ana Rodrigues & Daniel Chiacos e Calé, além da exibição do documentário (Vi)vendo um Outro Olhar, de Guilhermo Planel.

SERVIÇO

Exposição AS PAREDES TEM OUVIDOS, Jardim Fotográfico, projeções e exibição do documentário (Vi)vendo um outro olhar, de Guillermo Planel

Curadoria: Roberto Pitella

Artistas O Estendal: Ana Rodrigues, Daniel Chiacos, Maria Tuca, Stella Mello, Alfredo Alves e Juscelino Bezerra

 Artistas convidados: Ana Cris Loureiro, André Olive, Bernardo Cople, Carlindo Lago, Charly Techio, Dom Xavier, Fabiano Cafure, Fernando Nobre, Guilherme Zawa, Jose Diniz, Karen Zin, Karin Lerner, Kris Foltran, Leliene Rodrigues, Leonardo Nicolay, Liliana Lindenberg, Maira Coelho, Mel Gabardo, Renata Buarque, Rodrigo Janasievicz, Silvio Moreia, Tânia Buchmann, Tata Barreto, Vinicius Pereira e Vitor Malheiros

Data: Dia 21 de junho de 2012 (quinta-feira)

Local: Centro de Cultura Digital Praça do Conhecimento

Endereço: Rua Nova Brasília, S/N – Praça do Terço – Complexo do Alemão.

Horário: De 10h às 20h

Valor: GRÁTIS

Informações: oestendal.wordpress.com

Comentários Facebook

comentários

Autor

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top