Jovens da Vila Prudente (SP), realizaram intercâmbio de metodologias no Complexo do Alemão

Os jovens conheceram o famoso - Foto: Renato Moura

No mês de maio, o Voz da Comunidade recebeu os jovens Mayris, Henrique, Gustavo e Wallace, integrantes do Jornal Vozes da Vila Prudente, periferia de São Paulo, para um intercâmbio de metodologias no Complexo do Alemão. Foram três dias de muita experiência e aprendizado, para ambos os jornais. Para enfatizar o compartilhamento de ideias, aconteceram o Workshop de Jornalismo Comunitário, de Produção de Eventos, Ações sociais e Fotojornalismo. E para encerrar o intercâmbio, os jovens fizeram uma saída fotográfica para conhecer o Complexo do Alemão.

Após serem recepcionados no aeroporto pelos produtores Roberta Meireles, Tiago Bastos, e o jornalista Betinho Casas Novas, todos se reuniram na Pizzaria Posto da Pizza para um grande bate-papo. Não podendo esquecer do Restaurante Pepeta Grill, onde a galera se reuniu para almoçar nos dias que estiveram no Complexo do Alemão.

Wallace Morais de Souza, responsável pela fotografia e audiovisual do Vozes da Vila Prudente, conta que as experiências com os workshops e a saída fotográfica foi surpreendente, tanto pela beleza do Complexo do Alemão como a hospitalidade dos moradores. O mesmo afirma, que o Voz da Comunidade se tornou inspiração, por disponibilizar que a comunidade tenha o poder que infelizmente a sociedade não reconhece, e que terá uma visão diferente da Vila Prudente após o intercâmbio.

Roberta Meireles e Tiago Bastos compartilharam suas experiências de produções - Foto: Renato Moura

Roberta Meireles e Tiago Bastos compartilharam suas experiências de produções – Foto: Renato Moura

“Os workshops foram excelentes, todos que es tiveram à frente trouxeram as experiências de como tudo é colocado em prática, para deixar bem claro para nós de como podemos aplicar aqui na Vila Prudente. A Melissa, ex-jornalista do Voz da comunidade, abordou muito bem a comunicação comunitária, como ela é feita, como é pensada, desde a pauta até o campo das pessoas para entrevista. A Rosieli trouxe uma reflexão sobre o nosso trabalho, quem nós somos, onde nós queremos chegar, quem nós queremos atingir, através das ações sociais. Ela nos convidou para criar uma ação social, nós vamos iniciar essa ação pondo em prática todos os conhecimentos, toda a troca que houve no Voz, aqui na Vila Prudente”, relatou o fotógrafo sobre o Workshop de Jornalismo.

Segundo Wallace, esse intercâmbio estreitou os laços da equipe do Vozes, o que resultou em conhecer mais o outro e suas histórias. “Com a Betinha e o Tiago, foi incrível o workshop sobre a produção de eventos. Eles detalharam passo a passo de como planejar e executar um evento de grande porte e as ações sociais. Na verdade, fortaleceu o que já vinha sendo trabalhado, uma visão mais ampla de como criar ações maiores para comunidade. O fotojornalismo com o Betinho, Bento e Renato nos trouxeram como é feito esse olhar para ilustrar as reportagens e as ações sempre buscando transparecer a história por trás da fotografia”, concluiu surpreso com a facilidade na comunicação e união entre os voluntários do Voz da Comunidade.

Rosieli Leal contou sobre nossas ações sociais - Foto: Renato Moura

Rosieli Leal contou sobre nossas ações sociais – Foto: Renato Moura

Outros integrantes também ressaltaram algumas melhorias que o intercâmbio trará para o jornal. Henrique Silva, editor e responsável por ministrar os workshops de comunicação, afirma que após essa experiência, recorrerão a melhorias para as pautas, as redes sociais serão mais ativas e usadas com maior frequência.

“Eles começaram com um jornal pequeno e hoje são referência, não só para a gente, mas para vários locais, várias favelas. Mostra o quanto é importante ter um jornal, algo que democratiza a informação dentro da favela e mostra o quanto é importante ter alguém que informe, alguém que fale, uma voz dentro da favela e que as pessoas se identificam muito. Nós no Vozes da Vila Prudente, também queremos fazer igual”, ele também citou que se surpreendeu com a diferença do local, como é o oposto de acordo com o que a mídia tradicional divulga.

Os membros do Vozes adquiriram conhecimento e viram de perto tudo sobre o trabalho do Voz da Comunidade, presenciaram em poucos dias como tudo é realizado. De acordo com Gustavo de Souza, ele pretende compartilhar as informações adquiridas no intercâmbio para outras pessoas. “A experiência que vamos levar desse intercâmbio, apesar de tudo, são o conhecimento e a amizade que a gente adquiriu com a galera do Voz. O intercâmbio vai trazer muitas melhorias para o Jornal do Vozes, na verdade, eu mesmo só conhecia o básico em algumas pautas e outras nem mesmo o básico”, concluiu o jovem responsável pela logística.

Bentinho Casas Novas explicou um pouco sobre fotojornalismo. - Foto: Renato Moura

Bentinho Casas Novas explicou um pouco sobre fotojornalismo. – Foto: Renato Moura

O intercâmbio de metodologias aconteceu com o apoio da Brazil Foundation, que tornou possível a realização de um projeto que agrega valores e conhecimentos tanto para o Voz da comunidade, e para o Vozes da Vila Prudente.

Comentários Facebook

comentários

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top