Ocupa Alemão realiza um rolê afetivo pelo Complexo do Alemão

Nesse sábado, dia 15, rolou o primeiro ROLÊ AFETIVO pelo COMPLEXO DO ALEMÃO, organizado pelo OcupaALEMÃO em parceria com o Instituto Raízes Em Movimento.

A proposta do movimento é conhecer a favela de dentro, se conectar com os lugares de afeto e com a cultura local e refletir sobre as questões da mobilidade social que há dentro dos espaços populares.

O rolê pela a comunidade começou pela a principal rua do Complexo do Alemão, que é a Rua Joaquim de Queiroz, mas conhecida como “Grota”, ás 14:30h da tarde de sábado e teve a parada final na laje do Raízes no Morro do Alemão. Alguns moradores, amigos, parceiros, até pessoas da zona sul participou de um bate-papo sobre a cidade do Rio de Janeiro, partindo do conhecimento da favela como a parte integrante da cidade e como é capaz de propor soluções para as de manadas da mesma.

O objetivo do bate-papo foi falar de mobilidade dentro da Favela e buscar o resgate do AFETO e da MEMÓRIA que caminharam no diálogo constante junto com o poder público, para que as políticas públicas sejam de dentro pra fora e não de fora pra dentro.

As pessoas que participaram do movimento do Ocupa Alemão no Sábado(15/06) - Foto: João Lima

As pessoas que participaram do movimento do Ocupa Alemão no Sábado(15/06) – Foto: João Lima

Comentários Facebook

comentários

Autor

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top