Passageiros não têm abrigos em pontos de ônibus no Complexo do Alemão

Foto: Renato Moura/Jornal Voz da Comunidade

Faça chuva ou faça sol, o usuário de ônibus sofre enquanto espera

Não é de hoje que a espera em pontos de ônibus se tornou um sacrifício para os usuários do transporte público. A falta de abrigos e de cobertura é uma queixa antiga. A Secretaria Municipal de Transportes (SMTR) diz que não existe obrigatoriedade de que todos os pontos de ônibus tenham abrigo e a implantação depende de viabilidade técnica. Porém, nos bairros vizinhos, existem abrigos nos pontos, enquanto não se percebe o mesmo no Complexo do Alemão.

Para alguns usuários, o ideal seria encontrar pontos com abrigos de concreto, já que os de aço são frágeis. “Alguns pontos já tiveram cobertura, mas já faz tempo. Agora precisamos de instalações de concreto, pois infelizmente, abrigos de aço são destruídos com facilidade” – explicou Cosmo Rodrigues, de 50 anos, morador da Travessa Guadalajara, uma das subidas principais da Nova Brasília.

Entramos em contato com a Central de Atendimento ao Cidadão (1746) e fizemos o pedido de abrigos na região. A solicitação pode ganhar mais força se os usuários também ligarem. Por telefone, a atendente explicou que para a construção de novos abrigos são levados em consideração os aspectos urbanísticos, paisagísticos e viários. Segunda ela, uma equipe vai analisar as condições para instalação.

Comentários Facebook

comentários

Autor

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top