Falta de saneamento básico na Fazendinha gera revolta; “Nosso IPTU está em dia!”

Foto: Renato Moura/Voz Das Comunidades

Mato, esgoto a céu aberto, ratos, mal cheiro, mosquitos e a sensação de abandono é a realidade de muitos moradores da rua Tangapeme na comunidade da Fazendinha, Complexo do Alemão. 

Nossa primeira visita ao local foi em agosto de 2017 e desde então o caos para os moradores só piorou. Em dias de chuva, o esgoto transborda e invade o quintal, e o espaço que deveria ser para as crianças e também para os momentos de lazer dos moradores, acaba virando o ambiente dos ratos e mosquitos.

Ingrid Pereira vive na Fazendinha há 21 anos e relatou que a situação só piora com o passar dos anos e que, mesmo ligando para os órgãos responsáveis, ainda não obteve retorno. 

‘Isso sempre foi assim, não posso deixar meus filhos brincarem no quintal e quando a gente liga para Prefeitura eles alegam que por ser área de risco não podem vir ao local, mas nosso IPTU está em dia. A sensação que dá é que estamos esquecidos.’ contou.

Além disso, a moradora ressaltou que nos últimos tempos além de todos os problemas já conhecidos, caramujos africanos estão aparecendo no local quando chove. 

‘A gente morre de medo de pegar doenças porque é cheio de mosquito né? Os ratos já não tem mais medo, eles que ficam pelo quintal e agora quando chove começou a aparecer muito caramujo.’  

Nossa equipe entrou em contato com os órgãos responsáveis, mas até o fechamento da matéria não obtivemos retorno sobre a situação do local.

Comentários Facebook

comentários

Related posts

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top