Crônicas

Coluna | Senhora Resistência

Coluna | Senhora Resistência

CRÔNICA: 08/12/2017, último dia de aula na faculdade. Durante todo ano me alimentava de textos acadêmicos exaustivos, cercados por um vocabulário pesado. Eu era um leitor frustrado que só queria voltar a ler com prazer. Queria apenas ler uma antologia e ter como companhia um café forte, silêncio e o meu gato dormindo entre as

Coluna | Nem eu, e nem você!

CRÔNICA: Certa ocasião, em um dos inúmeros grupos de whatsapp estavam organizando uma festinha. Em meio a tantas conversas – até mesmo paralelas – surgiu um debate quanto à palavra nem. Ao chamar alguém dessa forma, outra pessoa retrucou ao dizer “nem eu e nem você”. Sinceramente: não entendi! Nem o que? Nem te ligo,

Prova de tiros #CRÔNICA

Já são quase seis horas da manhã de uma terça-feira e eu de mãos dadas com o nervosismo para a prova que ocorrerá hoje na faculdade. Mal consegui dormir com tamanho desespero. Pego o meu café e bebo pensando nessa bendita prova. Saio de casa e lembro que mais uma vez que esqueci as minhas

Foto: Leandro Barbosa

O que o seu olhar diz às pessoas, também fala muito sobre você #CRÔNICA

CRÔNICA: Há anos, saí de madrugada buscando comprar algo para comer. Morava no centro de Belo Horizonte, e na cidade você tem a garantia que ao menos pode encontrar uma rede farmácias que domina as esquinas dos bairros, e acabei parando em uma delas. Comprei o que precisava e na saída me deparei com uma

Aprendam com eles, adultos

CRÔNICA: Existem várias maneiras de passar tempo quando se é criança. Claro que nos tempos hoje a brincadeira fica por conta dos aparelhos digitais. Smartphones, tablets… coisa que eu só fui ter aos 18, a criançada de hoje tem aos 5 anos. Mas tem algo particular, ou melhor, um esporte muito especial que não sai

Resistência e solidariedade: O alicerce da periferia

CRÔNICA – Lembro muito pouco da minha infância. Por isso, busco sempre ir construindo a minha história através das lembranças da minha mãe e pelas fotos que ela guarda há anos. Em um desses retratos eu estou caminhando em uma rua de terra vermelha, onde ficava a casa da Dona Tetê, em uma favela na

Eles sabiam o que acontecia na vida dos vizinhos, mas não viram o câncer crescendo na própria casa

Quando penso no câncer de mama, a primeira coisa que me vem à cabeça é a história de uma jovem carioca, que conheci através do círculo de afeto – projeto voluntário, que criei para facilitar o desenvolvimento emocional, através de encontros em formato de círculo, onde o participantes praticam empatia e compartilham sentimentos positivos. Vou

Foto: Fabio Brito/Reprodução internet

A felicidade… O que é? Você a possui?

Certa vez um homem muito afobado de terno, bufando e suando, entrou no consultório de um psiquiatra renomado e disse ofegante: Doutor, me ajude! Eu quero me matar, não aguento mais minha vida, perdi milhões em um investimento errado que fiz, minha esposa parece só ligar para o meu dinheiro, não me procura para sexo,

Foto: Reprodução/Internet

Quero falar do meu Rio – Crônicas de Sérgio – 06

De um Rio de verdade. Não que esse que passa na televisão não seja verdadeiro, mas ele não é o único. Se ficar apenas nos telejornais parece que o Rio foi uma ideia que não deu certo, um projeto que está falido. Não, esse não é o meu Rio. Quero falar de um Rio que

Fui parar no Méier pra acompanhar a gravação do clipe do Coé com o Sant #Cronica

Próxima estação: Méier. O dia começou cedo, disputando centímetros entre trabalhadores já cansados numa quarta-feira de mormaço, típico do outono carioca – que não sabe se dá praia ou rolé de long. Da estação de trem à praça que recebe a Roda Cultural do Méier é um pulo. Sentados no meio-fio estão o Coé e

Top