Artigo de Opinião

OPINIÃO – Quem ama educa!

OPINIÃO – Quem ama educa!

Em 15 de Outubro de 1827, D. Pedro I decretou que todas as cidades tivessem suas escolas e assim ficou marcada essa data em comemoração ao dia do Professor. Em 1549, de forma tradicional, surgiu a primeira Escola através dos Jesuítas – Padres da Cia de Jesus; esse modelo de Escola permaneceu por trezentos e oitenta e três anos

OPINIÃO – Esporte bretão: pura malícia tropical

ARTIGO DE OPINIÃO – Salve simpatia, eu quero ser jogador de futebol… O futebol, ardente paixão dominante em todo território latino-americano. Das várzeas desniveladas aos gramados. Todas as periferias e favelas, do capão até a Rocinha, de La boca até Cartagena. O futebol encarado e revestido como narrativa social pelo qual tornou-se um espaço importante

OPINIÃO – Progresso pra quem?

O “progresso” desenfreado chegou, e como quem não quer nada, vem subindo a Favela. “Construindo” e destruindo histórias. Não é inacreditável, mas é impressionante o poder do dinheiro aliado à ganância. Primeiro riscam e rabiscam a Quebrada de ponta a ponta, de lado a lado, de Leste a Oeste e de Norte a Sul; isso

OPINIÃO – Uma nova visão sobre as favelas/periferias: A responsabilidade da sociedade sobre elas

ARTIGO DE OPINIÃO – A Copa do Mundo de 2014 se aproximava do Brasil, trazendo um ar de paz e de esperança para a população, mas acabou gerando mais caos, conflitos e seguidos retrocessos. Devido a crise (ou prioridade) política e econômica no Brasil, a falta de planejamento e de estrutura, e a corrupção que

Foto: Gabrielly Coelho

OPINIÃO – A periferia não vive só de treta!

ARTIGO DE OPINIÃO – No Brasil a justiça nunca foi cega, pois sempre foi preconceituosa, da mesma maneira que acontece com os grandes veículos de comunicação. Como assim? Explico já: os veículos de comunicação vivem de “Ibope” (audiência), certo? E o que dá mais Ibope hoje no Brasil? Festas da elite e tretas na favela.

OPINIÃO – Somos diversos!

Podemos e devemos entender o sujeito como indivíduo inserido nessa sociedade que se apresentou para nós nua e crua, quando através da intolerância, não se respeita o direito do outro. Ao trabalharmos a empatia que é a capacidade de se colocar no lugar do outro – seja esse quem for –, certamente seremos pessoas solidárias ao nos

Foto: Reprodução/internet

OPINIÃO – A beleza é o critério mais importante para vencer o concurso de miss Brasil?

ARTIGO DE OPINIÃO: Se olhe no espelho, seja sincero(a)… Você é bonito(a) ou só sua mãe acha? Se esforça muito para arranjar um(a) parceiro(a) na balada? Inveja algum(a) amigo(a) por sua aparência? Pois é, a beleza é um desejo de muitos, mas pelo visto o bom senso é uma qualidade de poucos… existem cotas no Miss Brasil?

OPINIÃO – O reconhecimento da cultura afro-brasileira na luta contra a desigualdade social e o preconceito

ARTIGO DE OPINIÃO: A cultura é o ato de transmitir hábitos, valores, vivências sociais e costumes através da fala, da escrita, de vestígios materiais, etc. de um grupo. Um processo civilizador. No Brasil, é difícil ver a forma como as pessoas tratam as outras ao ponto de desvalorizar as diferenças que fazem dele um país tão

OPINIÃO – Idioma esquisito

ARTIGO DE OPINIÃO: A criatividade é imprescindível para o crescimento local das zonas periféricas nos centros urbanos. De todo modo, a “economia criativa” exerce um papel de suma importante no conceito de inovação social.  Entretanto logo após a ocupação de algumas favelas na zona metropolitana do Rio de Janeiro, mais precisamente no “cinturão de segurança”. Houve

OPINIÃO – A seletividade do sistema judiciário e a criminalização da pobreza: Justiça para todos ou cega para alguns?

ARTIGO DE OPINIÃO: A Lei Áurea assinada pela Princesa Isabel em 13 de maio de 1888 extinguiu a escravidão, um sistema econômico e cruel que visava na exploração desumana do trabalho, e deu liberdade aos escravos aqui no Brasil…Liberdade? Bem, essa lei não abriu um mar de rosas para eles e elas, como a maioria acha

Top