Comida saudável faz sucesso em todo o Brasil

O pessoal mais novo, que curte praticar esportes e viver de uma maneira mais saudável, não costuma dispensar uma alimentação mais elaborada, com muitas frutas, verduras e legumes. Não que eles deixem de comer fast-food. Sempre vai haver espaço para hambúrgueres, pizzas e hot-dogs.

Mas se existe um legado olímpico, ele pode ser observado na mudança de atitude daqueles que se encantaram com as diversas modalidades esportivas que o Brasil conheceu mais de perto com o Rio 2016. Engana-se quem pensa que a escolha pela saúde seja mais cara ou de difícil acesso. O serviço de entregas PedidosJá já possui várias opções de saladas, sushis, bebidas naturais, smoothies (as famosas vitaminas) em seus cardápios.

É possível comer bem e barato, e ainda ter a comodidade de receber tudo em casa, estas desculpas não podem mais ser aceitas. O investimento das grandes redes de comida rápida, inclusive, anda bem mais tímido no Brasil. Os americanos da Wendy’s, uma das mais tradicionais cadeias de fast-food norte-americanas, inauguraram apenas 2 lojas iniciais no país. Há planos de expansão, mas ainda estão estudando a aceitação de suas ofertas por aqui.

É preciso perder o preconceito quando se fala em comida saudável. Nem só de saladinhas sem graça se vive! Há possibilidades infinitas de combinação de alimentos sem a necessidade de calorias e gorduras em excesso. E uma ou outra vez por semana, pode-se degustar a tão sonhada pizza, já que ninguém é de ferro. Mas a saúde vem em primeiro lugar para, quem sabe, termos mais alguns medalhistas olímpicos nas edições posteriores dos jogos que tanto encantaram os cariocas.

Parece que redes já conhecidas como o Bob’s e o McDonalds terão que se preocupar muito mais com outro tipo de concorrente, além do Wendy’s. O mercado de delivery está se modificando rapidamente e esta comida alternativa tem muito espaço para conquistar.

Comentários Facebook

comentários

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top