H1N1: Vacinação é estendida para novos grupos de crianças e adultos

No último domingo (08), foi confirmada a primeira morte pelo vírus H1N1 de 2018 e o caso aconteceu na Vila Kennedy, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Suelen Leonardo era bastante conhecida na comunidade, pois administrava o grupo Comércios da Vila Kennedy e faleceu no Hospital Albert Schweitzer aos 35 anos, idade não listada no grupo de risco para vacinação.

O Voz das Comunidades realizou questionamentos sobre o grupo de pessoas em que a vacinação contra o H1N1 estava disponível e fomos informados pelo Ministério da Saúde que, desde o última segunda-feira de junho (25), todos os municípios que ainda tiverem vacinas contra a gripe disponíveis podem estender a vacinação também a crianças de 5 a 9 anos e adultos de 50 a 59 anos.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza teve início em 23 de abril e se encerrou no dia 22 de junho. Segundo o Ministério, 83% do público-alvo havia se vacinado nos postos de saúde e a escolha dos grupos prioritários para a vacinação contra a gripe segue recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS) sendo definida após estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente os vírus da gripe.

Comentários Facebook

comentários

Related posts

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top