Vazamentos de esgoto fazem parte da rotina de quem mora no Alemão

Moradores denunciam descaso total na comunidade da Alvorada

Mais esgotos a céu aberto estão causando transtorno ao moradores do Complexo do Alemão. Dessa vez, um dos problemas crônicos das comunidades está localizado na Alvorada, próximo a Vila Vitor, número 20. De acordo com uma denuncia enviada pelo WhatsApp do Voz da Comunidade, o vazamento vem acontecendo a mais de um mês.

O mau cheiro toma conta das casas e a água contaminada invade a escadaria, escorrendo pelos degraus. Devido ao tempo de vazamento, algumas partes da escada estão com lodo e muitos moradores já escorregaram, incluindo Ivone Damasceno de 30 anos.

“A escada está escorregadia e até eu já cai. Estamos nessa situação tem um bom tempo e até o momento nada foi feito. Como tudo no Brasil, estão esperando algo grave acontecer para ser feito alguma coisa aqui” – Declara.

Cansados de esperar uma solução, os próprios moradores se uniram e fizeram o trabalho de desentupimento do bueiro, mas dias depois o problema retornou.

O esgoto também toma conta de uma outra escadaria, dessa vez na Rua da Assembléia, próximo a Praça do Samba, também na comunidade da Alvorada. Em um vídeo, o morador Gyanni Alexandre Débora França mostra o transtorno que vem acontecendo e na gravação é possível acompanhar todo o trajeto que o água contaminada percorre.

“Ela passa por várias casas e se acumula no espaço aberto em baixo da escada que já está apodrecendo. O concreto está quebrando e os degraus afundam quando a gente pisa.” – Comenta.IMG-20150406-WA0018

Débora França, esposa de Gyanni ficou sem andar durante doze dias depois de um acidente na escadaria e denuncia a existência de outros problemas, além do esgoto. “O muro ao lado também está em ruínas e as pessoas continuam jogando lixo. Está tudo desabando. Aqui está completamente abandonado. Ninguém faz nada. Ninguém se importa com a gente!”

De acordo com moradores, o problema se iniciou há muitos anos, após demolições de casas para obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento). Muitos reclamam que a associação prometeu junto com a CEDAE melhorias no local, mas até o momento nada foi feito.

Comentários Facebook

comentários

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top