GUERRA: Mais dois moradores são baleados neste sábado no Alemão

20160827_180301

Os moradores foram atingidos na comunidade da Fazendinha, parte interna do Alemão

Mesmo sem relatos de tiros na região, dois moradores foram atingidos por balas perdidas na comunidade da Fazendinha, parte interna do Complexo do Alemão na tarde deste sábado(27). Júlio Cezar Miranda de 18 anos foi baleado com um tiro na perna direita na altura do joelho e foi levado as pressas para o Upa do Alemão. Júlio foi atingido no joelho e seu caso é considerado grave, por suspeita de ter atingido alguma artéria. A segunda vitima foi dona Judith Martins Aguiar de 60 anos que foi atingida dentro de uma Kombi indo para sua casa. A bala acertou o vidro da frente do veiculo, acertando a senhora na mão esquerda. O motorista do transporte comunitário levou a senhora as pressas também para o Upa do Alemão. Ambos foram socorridos e transferidos as pressas para o Hospital Salgado Filho no Méier.

20160827_180257
Veiculo foi atingido pelo tiro no para-brisa, acertando a senhora na mão esquerda. Foto: Betinho Casas Novas

 

SEM RELATOS NAS REDES

Pelas redes sociais os moradores relatam não ter ouvido tiros. O motorista da Kombi ficou assustado ao ver o disparo bem em frente seu vidro. “Nasci de novo, a bala poderia ter me acertado…” contou o motorista que preferiu não se identificar. Passageiros que estavam no veiculo contam que não conseguiram ouvir os disparos. “Foi do nada, não ouvi tiros a bala veio e acertou a senhora…” contou uma moradora que estava dentro da Kombi, que preferiu não se identificar.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]