Ampliando oportunidades: Projeto educacional Só Cria chega na favela da FICAP na Pavuna

O foco deste novo espaço é profissionalizar e tornar aptos os jovens e adultos para o mercado de trabalho

Ampliando oportunidades: Projeto educacional Só Cria chega na favela da FICAP na Pavuna

Foto: arquivo pessoal / Só Cria

A Rede Só Cria de Educação Popular está chegando em mais uma favela da cidade do Rio. Agora, sua sede vai ser também na comunidade da FICAP, na Zona Norte. Lá será atendida uma demanda antiga dos moradores: um curso preparatório para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja).

A Comunidade é uma favela que fica dentro do Parque Proletário do Dique e Furquin Mendes, ao lado do Rio Acari, dentro do Polo Industrial/Empresarial da Pavuna. Com isso, o Pré-encceja da FICAP fará parte da rede SÓ CRIA e servirá para qualificação profissional e introdução no mercado de trabalho de jovens e adultos que não terminaram o Ensino Médio. O preparatório vai funcionar na Associação de Moradores da FICAP, que é filiada à Federação de Favela do Rio de Janeiro (FAFERJ), com apoio das Brigadas Populares.

Segundo Gabriel Siqueira, da Direção Municipal das Brigadas Populares e FAFERJ, “O Pré-encceja da FICAP é fruto da organização popular e comunitária. As Brigadas Populares, a FAFERJ e a Associação de Moradores local têm feito um esforço para garantir desenvolvimento comunitário e pedagógico das favelas cariocas. Estamos na fase de estruturação, captando voluntários e doações de materiais para iniciar aulas no segundo semestre e garantir o diploma de ensino médio para o nosso povo”.

Segundo Gabriel Siqueira já são três polos do Só Cria nas favelas cariocas e a luta vai continuar.
Foto: Reprodução

“O Só Cria se constrói a partir da ideia de transformação popular através da Educação. O projeto nasce na Rocinha e hoje já estamos indo para o nosso terceiro território, que se localiza na Ficap. A princípio, o projeto era pensado para o ingresso nas universidades. No entanto, por demanda dos moradores locais (FICAP), surgiu a ideia de um preparatório do Encceja, pois em meio ao aprofundamento das desigualdades sociais no Brasil, pensar na qualificação profissional e introdução no mercado de trabalho é urgente, e a nossa ação enquanto educadores populares também é apostar na educação como um futuro de esperança e possibilidade para nós que somos cria de favela” contou Caio Oliveira, fundador do Só Cria.

Além do apoio educacional, o projeto atua também em ações sociais em comunidades do Rio. Caio Oliveira além de fundador é Coordenador do Pré-vestibular Popular
Foto: Reprodução

O Só Cria da FICAP funcionará aos sábados, com aulas de Linguagens e Redação; Matemática e suas Tecnologias; Ciências Humanas e da Natureza. Essas áreas do conhecimento foram estabelecidas a partir do currículo da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) do Novo Ensino Médio, de acordo com os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN’s). Atualmente, o projeto está construindo uma plataforma de voluntários e estruturando os últimos detalhes para começar com aulas presenciais e on-line em agosto, para acelerar a preparação para os vestibulares, que ainda não tem calendário definido pelo Ministério da Educação (MEC).

Para mais informações, basta entrar em contato com o número (21) 96479-1674. O endereço do projeto é na Avenida Coronel Phidias, Távora, número 25, Pavuna, Rio de Janeiro.