Conheça as influenciadoras, crias de favela, que são sucesso nas redes sociais

Elas têm milhares de seguidores, lançam tendências e são disputadíssimas por diversos lojistas para divulgarem produtos e serviços. A união dessas três amigas está inspirando jovens e elevando o nome da favela

Conheça as influenciadoras, crias de favela, que são sucesso nas redes sociais

Daiana Lins, 22 anos, Caroline Nascimento, 25 anos, e Rayane Patrícia, também de 25 anos, são crias da favela, e quem pensa que a vida dessas mulheres empoderadas é só glamour, engana-se. Elas tem uma rotina puxada de trabalho para garantir nas suas redes um conteúdo de qualidade para realizar sonhos e ajudar as famílias.

Daiana Lins, mais conhecida como DaíLins pelas suas seguidoras, começou com 18 anos sua carreira de modelo fotográfica. Cria da Maré, na localidade dos Pinheiros,e atualmente moradora da Penha, a blogueira sempre teve o apoio da sua família. Daí busca nas suas redes uma maneira de estar cada vez mais perto de quem a acompanha, não só com o sucesso do “Espelho da Daí”, onde ela mostra as coleções de roupas que estão sendo lançadas por diversos lojistas, mas sempre trazendo uma palavra de inspiração e de incentivo. Ela também ensina as meninas a se maquiarem, a tirar uma foto num ângulo bom e fazer penteados. Afinal, quem não conhece o “coque da Daí”?

Daiana Lins é cria da Maré. Foto: acervo pessoal

“Eu até hoje não consigo ver esse sucesso todo. Quando alguém vem até mim com tanto carinho, falando da luz que vem de mim, eu só consigo pensar em Deus, que essa luz vem dele. Eu pedi a ele essa oportunidade e fico muito feliz em receber tanto afeto, pois eu tento fazer o meu melhor. Me cobro muito, quero que meus seguidores e lojistas tenham a melhor foto, o melhor conteúdo. Esse é meu trabalho. É a minha paixão. Eu amo o que faço e isso me dá uma energia para continuar.”disse a blogueira extremamente emocionada.

Mas nem tudo são flores, e sim fruto de muito trabalho. Daí trabalha de segunda a sexta e ultimamente ,por conta da pandemia, ela ainda não está no estúdio. Então, a rotina de trabalho é dentro da sua casa, onde ela passa o dia, a noite e até a madrugada fazendo as fotos on-line para os lojistas. Tem dias que a modelo só dorme duas horas por dia. Focada e determinada, a influenciadora deixa claro que as críticas não a abala, pelo contrário, ela tenta ao máximo não absorver essa energia negativa e continua a trilhar seu caminho. Pois, segundo a própria, tem espaço para todas e ela está investindo no seu momento, que é agora.

Já a empresária Caroline Nascimento, que é cria da Penha, viu na internet a oportunidade perfeita para divulgar a sua loja e marca, a Gabiatelier, e por estar sempre com as suas amigas modelos, suas redes começaram a ter bastante visibilidade. E, a partir daí, a influenciadora tem gerado bastante conteúdo. Conhecida como “mãezona” pelo seu jeito carismático e sempre rodeada de amigos, Carol, como seus seguidores a chamam, fala sobre o retorno positivo do seu público e em relação aos seus procedimentos estéticos. Muito vaidosa, ela sempre gostou de se cuidar e, devido a uma cirurgia de prótese mamária, teve algumas complicações.

Carol é cria do Complexo da Penha. Foto: acervo pessoal

“Eu não esperava mesmo ser reconhecida. As pessoas me chamam na rua ou querem tirar foto comigo. Eu fico no início envergonhada, mas eu adoro esse carinho. Infelizmente, minha cirurgia de silicone me trouxe muitos problemas, mas eu vi a mão de Deus na minha vida. Eu sou muito grata. Sei que tem um propósito e a minha história é um testemunho para muitas vidas. Recebo muitas mensagens sobre isso. Hoje, eu saio, me divirto, estou rodeada de amigos e sou muito feliz por ter conquistado tantas coisas por conta do meu trabalho”, diz a empresária.

Consequências do seu trabalho de sucesso nas redes, Carol conquistou sua independência financeira e saiu da casa dos pais pelos quais ela só tem gratidão. “Amo meus pais e uma das minhas maiores alegrias é poder proporcionar algo a minha família, mesmo que ainda seja pouco. É uma sensação incrível retribuir de alguma forma tudo que eles fizeram por mim.”

E a Rayane Patrícia, moradora da Vila Cruzeiro, que começou há um ano e meio a carreira de modelo, não esperava toda a repercussão que teria. Ray, como todos a chamam, não deixa nada atrapalhar seu trabalho. Suas fotos sempre bem produzidas fazem com que a jovem receba muitas oportunidades de trabalho, que mal dá tempo para descansar. “Minha vida é uma loucura. Nesses últimos tempos são muitos trabalhos. Eu não acreditava que poderia ser modelo, e a Daí me incentivou e viu em mim um potencial. Hoje é uma rotina tão frenética, que não tenho tempo para nada. Me cobro muito por isso, pois das três sou a única que é mãe e eu quero dar o melhor para minha filha. Se estou trabalhando tanto hoje é para que ela tenha o que quiser.” Essa mãezona que fala cheia de amor de sua cria, comenta também da importância da amizade das blogueiras na sua vida: “Sem as meninas eu não seria nada. Elas são tudo pra mim.”

Rayane Patrícia é moradora da Vila Cruzeiro. Foto: acervo pessoal

Além das redes, as blogueiras mantêm-se unidas e cultivando a amizade e carinho que as 3 tem umas pelas outras. Uma fala da outra com brilho nos olhos, sempre as adorando e exaltando suas qualidades. Carol muito engraçada, Daí bastante responsável e Ray com uma força incrível. Mulheres independentes, inteligentes, com pé no chão, sem medo de ser feliz, bombando na internet, trabalhando muito e mostrando que o lugar da mulher é onde ela quiser. Na das redes sociais, elas são as blogueiras super poderosas.