Rocinha tem 75 casos ativos de Covid-19, segundo a prefeitura do Rio

É o maior número de casos ativos comparado a outras favelas do Rio

Rocinha tem 75 casos ativos de Covid-19, segundo a prefeitura do Rio

A Rocinha, na Zona Sul da cidade, apresenta o maior número de casos ativos de Covid-19, comparado a outras favelas do Rio. De acordo com a atualização do painel da prefeitura, são 75 casos ativos, ou seja, um total de 75 moradores da comunidade estão contaminados com o coronavírus.

Total de casos na Rocinha, segundo Painel Rio Covid-19

O número se destaca quando comparado com outras favelas registradas no Painel Rio Covid-19 da prefeitura do Rio. A Maré possui o segundo maior número, com 20 casos ativos. Há sete casos ativos em Manguinhos; seis em Vigário Geral; cinco no Jacaré; dois casos na Cidade de Deus e em Gardênia Azul. As comunidades da Mangueira, Acari e Jacarezinho apresentam um caso ativo em cada uma delas.

As duas comunidades que lideram o ranking de casos ativos também são as que contabilizam mais casos registrados de coronavírus, segundo o Painel Covid-19 nas Favelas do Voz das Comunidades. Na Maré, são 920 casos, 129 óbitos e 795 recuperados. Já na Rocinha, são 902 casos, 62 óbitos e 771 recuperados. 

Portanto, a partir dos dados pode-se observar que o coronavírus continua circulando. Mesmo com a flexibilização das medidas de isolamento social, é importante que moradores sigam tomando os cuidados necessários, pois ainda não há vacina disponível contra a Covid-19.