Acontece nesta terça-feira (12) o primeiro Campeonato de Free Fire do Complexo do Alemão

O torneio inédito acontece na tarde desta terça (12), com direito a premiação para os três melhores times
Foto: Vilma Ribeiro/ Voz das Comunidades
Foto: Vilma Ribeiro/ Voz das Comunidades

Nesta terça-feira (12), feriado nacional de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil, e também do Dia das Crianças, acontece na Canitar, uma das localidades do Complexo do Alemão,  Zona Norte do Rio, o primeiro campeonato de Free Fire na comunidade. O evento tem cerca de 50 squads participantes.

A iniciativa tem como objetivo dar oportunidade às centenas de jogadores do mobile game que moram no Complexo do Alemão e adjacências de participarem de um campeonato. O torneio é no formato de squad, com até 4 integrantes, no campo aberto. Vale ressaltar que, mesmo com wifi que será disponibilizado pela organização, cada participante é responsável por sua própria internet. O campeonato de Free Fire do Complexo do Alemão começa na tarde desta terça-feira, mais precisamente às 13h.

Além da jogabilidade, o Free Fire acaba sendo mais acessível para pessoas com aparelhos celulares mais simples.
Foto: Vilma Ribeiro/ Voz das Comunidades

O streamer Alessandro Calista, de 32 anos, é um dos idealizadores do campeonato. O integrante da Real E-Sports,  comentou sobre a realização do torneio de Free Fire no Alemão. “Tem muitos moradores aqui que jogam, mas não se conhecem. Então o campeonato pode estreitar isso, e impulsionar coisas boas. O Free Fire abraça pessoas de diversas idades, então o campeonato é uma oportunidade de trazer esses jogadores e poder vê-los em ação”.

O Free Fire é um jogo eletrônico mobile de ação-aventura do estilo battle royale. Foto: Vilma Ribeiro/ Voz das Comunidades

Sobre o torneio

A classificatória será da seguinte forma: Apenas duas quedas por grupo, as melhores equipes avançam para o chaveamento, conforme for vencendo, avança para a próxima fase.

Alessandro fala também sobre a importância de promover torneios como este para os moradores da comunidade. “ Fico feliz! É difícil ter este tipo de torneio dentro da comunidade. Jogo Free Fire a muito tempo e hoje Graças a Deus Sou nascido e criado dentro do Complexo do Alemão, então o que eu puder fazer pela minha comunidade, eu vou fazer. O Free Fire  não é apenas um joguinho, hoje ele é um esporte elétrico, onde muitas e muitas pessoas tem um sonho de ser um profissional e até viver disso”.

O melhor jogador do torneio ganha uma bonificação de R$100. Foto: Reprodução


O CPX Free Fire está previsto para acontecer no dia 12 de outubro, às 13h, no Espaço Nova Estrela, Rua Canitar 176, em Inhaúma, Complexo do Alemão. O squad vencedor pode faturar R$2,000. Não fique de fora dessa !

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]