Em parceria com editora de livros, creche no Alemão promove imersão literária

A iniciativa da Estrelinha do Alemão surgiu por conta do contexto atual de pandemia, que atingiu crianças, inseridas no projeto, e suas famílias
Estrelinhas creche

Foto: Divulgação / Carolina Marinho

A Creche Estrelinha do Alemão está promovendo uma imersão literária. A equipe pedagógica da instituição, junto à editora Bombom Books, realizará uma semana de atividades literárias para trabalhar com sentimentos, como luto, empatia, desigualdade.

A iniciativa surgiu a partir dos inúmeros incidentes de mortes por Covid-19 dos pais dos beneficiários da Recreação Infantil Estrelinha. A equipe pedagógica percebeu que tal fato o contexto atual ocasionou um intenso abalo emocional nas crianças. Só neste ano, 5 ficaram órfãs no projeto.

A Recreação Infantil Estrelinha se dedica há 32 anos à educação infantil com o trabalho de estímulo à socialização, alfabetização e incentivo à leitura na primeira infância – com ações com o objetivo de promover o contato com o universo literário -. Atualmente, a instituição atende 150 crianças, de 0 a 8 anos, em situação de vulnerabilidade social.

Carolina junto com Rosângela Marinho, coordenadora pedagógica do espaço, e Jessica Bruin, conhecida como Jiba, resolveram criar atividades, para que as crianças pudessem trabalhar com sentimentos.
Foto: Recreação Infantil Estrelinha

“Eu sou cria do Complexo do Alemão e muitas vezes a literatura salvou minha vida. Muitas vezes estava perdida e desorientada sem muita perspectiva e diante disso sempre achava um livro. Parecia que era o caminho me aproximando da literatura. Agora que eu tenho a possibilidade de promover isso (para as crianças), de ser uma multiplicadora da literatura como instrumento de transformação, pra mim é magnífico”, ressaltou Carolina Marinho, mestranda e voluntária do projeto.

Durante 1 semana, sendo cada dia dedicado a uma faixa etária, a mediadora Jiba vai apresentar atividades para trabalhar com sentimento de ansiedade, medo, saudade, angustia e tristeza. Estes temas foram escolhidos para que as elas pudessem expor o que sentem.

Cronograma da semana literária

  • Terça Feira: 2-3 anos
    Contos de história de Desigualdade com fantoches
    atividade (estação conhecendo o corpo humano, eu sou capaz, e juntos somos mais fortes);
  • Quarta feira: 4 – 8 anos
    Contos de história: Ansiedade e Medo
    (atividades sobre as histórias meia hora com cada idade);
  • Quinta feira: 4 – 8 anos
    Contos de história: Tristeza e Saudade
    (atividades sobre as histórias meia hora com cada idade);
  • Sexta feira: 4 – 8 anos
    Contos de história: Amor e Alegria
    (atividades sobre as histórias meia hora com cada idade);

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]