Explorando a criatividade artística, Pipas Labs apresenta a exposição “Caretas Criativas”

A iniciativa, que desenvolve experiências únicas através da arte nas comunidades cariocas, realiza as atividades do dia 4 ao 12 de novembro na Penha, Vidigal e Rocinha

Foto: Reprodução / InstagramFoto: Reprodução / Instagram

Para os moradores das comunidades cariocas, o mundo artístico possui um significado muito maior do que o disponível nos dicionários Aurélio. Para eles, a arte apresenta um mar de possibilidades, de redescobertas, de transformação social e, principalmente, de encontros com seus próprios gostos, pois o intercâmbio cultural vinculado à ela facilita esse processo de desenvolvimento.

Com o objetivo de oferecer essas experiências nas favelas do Complexo da Penha, do Vidigal e da Rocinha, a iniciativa Pipas Labs organiza, nesta quinta-feira, Dia da Favela, exposição “Caretas Criativas” pelas ruas e bairros dessas localidades.

Idealizado por artistas convidados, alunos de organizações e participantes do projeto Kit Pipas Labs, a exposição ficará durante quatro semanas nestas favelas e contará com eventos especiais. A proposta da atividade é explorar as identidades e características de cada morador através da utilização de uma máscara.

O evento marca o encerramento do Kit da atividade 2 e início das campanhas de arrecadação para o Kit 3 chamado: Trajado ID, onde o participante irá produzir uma camisa com um broche decorado e iluminado que reflete a identidade e criatividade do criador. Além disso, a fundadora americana Cláudia Bernett destaca que a iniciativa passa pelo pilar da tecnologia.

“Kit Pipas Labs é uma aula lúdica de tecnologia criativa em uma caixa só! Distribuído de graça para participantes nas comunidades do Complexo do Alemão e Penha, Rocinha e Vidigal, os kits incluem todos os materiais e instruções necessárias para criar e aprender com a tecnologia. Os kits são utilizados também em oficinas presenciais pequenas que seguem todos os protocolos atuais de saúde. O Pipas Labs busca dar ferramentas às populações periféricas brasileiras com conhecimento e habilidades necessárias para que elas participem da nova economia vigente. Através dos kits, cursos e oficinas, procuramos desenvolver habilidades tecnológicas junto com o pensamento criativo buscando aumentar a inclusão socioeconômica e ampliar vozes para gerar mudanças sociais fundamentais”, destaca.

Confira, abaixo, a lista de artistas convidados, participantes e os locais pré-definidos para a exposição.

Datas e locais:

4 Nov – Complexo da Penha (Abertura)
Konteiner, Complexo da Penha
Rua Ardiria, 119 – Vila Cruzeiro
Horário: 18h às 21h

8 – 12 Nov – Rocinha
Biblioteca Parque da Rocinha
Horário: 10h às 18h

16 – 19 Nov – Vidigal
Escola Municipal Almirante Tamandaré
Av. Pres. João Goulart, 296 – Vidigal
Horário: 18h às 21h

Artistas & participantes:

Guida
Grafitei
@guida.zn

Pablo Poder
Artista Afrofuturistas
@poderpablo

Besouro Aline
Artista Plástico
@besouroaline

Ramon Carvalho
Multiartista, DJ, Costume e Designer
@carvalhoramo

Tarso Gentil
Artista Plástico
@tarsotabu

Daniel Batista
Artista Plástico, Tatuador e DJ
@flwdan

Maria Clara Tecidio – q
Artista Plástico
@tecidio

Agatha
Artista Plástica
@agathalapiedra

Chico Fontoura
Jornalista e Cantor
@Cantachico

Alberto Pereira
Artista plástico
@albertopereira

Leonardo Oscar
Artista Multi Experimental
@derrete77

Alan Pinheiro – Complexo do Alemão, Rio de Janeiro, RJ
Artista Plástico
@Allancom2l

Wellington Lima
Aluno, Escola Vidigal

Isabela Flores
Aluno, Escola Vidigal

Claudia Bernett
Designer
@claudybeehappy

Daisy Santos Soares
Educadora e artista plástica
@daisysoares

Elaine Alves
Educadora e artista plástica
@somaisumalves

Tiago Bastos
Produtor cultural
@tigobastos

Eder Ferreira
Ator e figurinista
@beechaeder

Flavia Costas
Produtora cultural
@flaviacostta