Favelas do Rio têm superaumento de 1783,64% de casos de Covid-19 em uma semana

Comparada a semana anterior com 110 casos, o Painel da Covid-19 do Voz das Comunidades registrou 1.962 a mais

Foto: Natalhia Menezes

Após registrar duas semanas de quedas nos casos de Covid-19, as favelas do Rio tiveram um grande crescimento nos casos da doença. De acordo com o Painel da Covid-19 do Voz das Comunidade, nesta semana, do dia 17/09/2021 até hoje 24/09/2021, houve um aumento de 1783,64% de casos confirmados de Covid-19, em comparação com a semana anterior. Em contrapartida os números de óbitos por conta da Covid apontaram uma diminuição, de 44 óbitos na semana do dia 10/09/2021 até 17/09/2021, para 27 nesta semana. 

Após atingir uma diminuição de cerca de 83% de casos de Covid-19 na última semana, dessa vez o cenário é de um super aumento nas 40 favelas acompanhadas pelo Painel do Voz das Comunidades. Foram ao todo 2.072 novos casos confirmados, significando um aumento de 1783,64%. São 1.962 casos a mais do que na última semana. Os óbitos tiveram uma diminuição, 17 mortes a menos que na semana anterior. 

O Complexo da Maré, na Zona Norte da cidade do Rio, ainda segue à frente, quando comparada com outras comunidades, no que se refere ao ranking de dados registrados no Painel Covid-19 Nas Favelas. Ao todo são 8.826 casos e 354 óbitos.

Casos e óbitos registrados do dia 17/09/2021 até 24/09/2021 no painel Covid-19 do Voz das Comunidades:

2.072 novos casos confirmados:

1 caso no Morro da Babilônia/Chapéu Mangueira;

1 caso na Chácara do Céu;

5 casos na Bandeira 2;

6 casos no Morro do Salgueiro;

7 casos na Barreira do Vasco;

7 casos no Morro do Borel;

9 casos no Tavares Bastos;

10 casos na Mangueira;

11 casos no Mandela;

11 casos no Santa Marta;

11 casos no Morro da Providência;

18 casos no Jacarezinho;

19 casos na Ladeira dos Tabajaras;

19 casos no Morro dos Macacos;

20 casos no Santo Amaro;

21 casos na Vila Vintém;

25 casos na Vila Aliança;

29 casos no São Carlos;

31 casos em Acari;

32 casos no Fumacê;

33 casos no Morro do Andaraí;

34 casos na Gardênia Azul;

37 casos no Vidigal;

37 casos no Morro do Tuiuti;

41 casos no Lins de Vasconcelos;

41 casos no Morro dos Cabritos;

43 casos no Morro da Formiga;

48 casos em Vigário Geral;

49 casos no Pavão-Pavãozinho e Cantagalo;

50 casos no Complexo da Penha;

52 casos em Manguinhos;

64 casos na Cidade de Deus;

68 casos no Caju;

112 casos no Complexo do Alemão;

124 casos na Vila Kennedy;

148 casos no Batan;

168 casos na Rocinha;

230 casos em Rio das Pedras;

364 casos no Complexo da Maré.

27 novos óbitos:

1 óbito em Manguinhos;

1 óbito no Morro do Borel;

1 óbito no Santo Amaro;

1 óbito no Caju;

1 óbito na Vila Aliança;

1 óbito no Complexo da Maré;

1 óbito na Gardênia Azul;

2 óbitos na Cidade de Deus;

2 óbitos em Vigário Geral;

2 óbitos na Ladeira dos Tabajaras;

2 óbitos no Complexo da Penha;

2 óbitos em Rio das Pedras;

3 óbitos no Lins de Vasconcelos;

3 óbitos no Complexo do Alemão;

4 óbitos em Acari.

Ainda de acordo com o Painel, ao todo são 46.009 de casos confirmados, 2.601 óbitos nas comunidades e 22.183 moradores recuperados. Desde o dia 30 de julho de 2021, o painel atualiza os casos de coronavírus de mais de 40 favelas cariocas semanalmente.