Manhã de tiroteio em favelas do Rio assusta moradores e deixa policial baleado

Um policial militar foi atingido durante confronto na Vila Cruzeiro, no Complexo da Penha

Manhã de tiroteio em favelas do Rio assusta moradores e deixa policial baleado

Manhã de terça-feira (20), começou com episódios de tiroteio em favelas do Rio. Moradores relataram nas redes sociais tiros no Complexo do Alemão, na Zona Norte; na Vila Cruzeiro, no Complexo da Penha, também na Zona Norte; e no Santa Marta, em Botafogo, Zona Sul.

O Fogo Cruzado publicou alerta de tiroteio na Vila Cruzeiro nesta manhã. A página Vila Cruzeiro RJ também postou no Twitter sobre tiros na região da Merendiba, onde há relatos frequentes de confronto.

No entanto, a Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar informou que policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Fé/Sereno realizavam deslocamento pela Av. Vicente de Carvalho quando, na altura da Praça do Carmo, criminosos atiraram contra a equipe.

Um policial militar foi atingido e socorrido no Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, onde passa por cirurgia. A polícia está realizando ações em busca dos envolvidos e a ocorrência segue em andamento. 

Por volta das 6h da manhã, tiros foram ouvidos no Complexo do Alemão, na localidade conhecida como Alvorada. De acordo com a Polícia Militar, a base da UPP Nova Brasília foi atacada por criminosos.

Outro caso foi no Santa Marta, intenso tiroteio assustou moradores nesta manhã (20). Em nota, a PM confirmou que houve confronto entre criminosos e policiais militares da UPP Santa Marta.

Devido aos fatos ocorridos nesta manhã, vale destacar que no mês de setembro, a plataforma Fogo Cruzado registrou 52 tiroteios/disparos de arma de fogo em áreas com UPP.