Polo de Testagem de Covid-19 chega em Manguinhos

O Centro Comunitário de Defesa da Cidadania foi o espaço escolhido para dar assistência à população da comunidade
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Desde a última sexta-feira, dia 21, foram iniciados os trabalhos do Polo de Testagem de Covid-19 na Comunidade de Manguinhos, Zona Norte da cidade do Rio. O Centro Comunitário de Defesa da Cidadania da comunidade foi o ponto escolhido para atender os moradores da região. 

A iniciativa dos polos de testagem tem como objetivo prestar assistência à população durante o surto de Influenza A (H3N2) que, desde o início do ano, ocorre na cidade do Rio. Além disso, oferece aos moradores de favela a possibilidade de testagem a Covid-19, de forma gratuita e rápida.   

Manguinhos na Pandemia

Segundo o Painel de atualização de coronavírus nas favelas do Rio de Janeiro, feito pelo Voz das Comunidades, até o momento, a comunidades já registrou 2.488 casos de Covid-19 e 120 mortes causadas pela doença.

Ainda de acordo com o painel, 603 moradores se recuperaram da doença.

Orientações

Moradores que chegam até o local, sem os reais sintomas de Covid-19, podem congestionar o atendimento dos demais. Isso porque muitas pessoas buscam a testagem em razão de terem tido contato com outras que tiveram a confirmação de positivo para a doença.

Os pacientes recebem uma consulta inicial para checar a gravidade dos sintomas. Depois disso, se necessário, são encaminhados para realizar o teste rápido PCR, onde o resultado sai em até 15 minutos.

Aos que testam positivo para o vírus, a recomendação é de fazer isolamento social de no mínimo 7 dias, segundo as recomendações médicas. Os cuidados de prevenção contra a Influenza A tem medidas semelhantes às da Covid-19. Entre essas, o distanciamento social, a utilização constante de máscaras e a higienização frequente das mãos com álcool 70% ou água e sabão. Para se vacinar, basta os moradores procurarem as unidades de saúde da sua região.

O Polo de atendimento fica localizado na Rua Leopoldo Bulhões, n° 952, em frente à Estação de Manguinhos e vai funcionar das 8h às 16h, de segunda à sexta-feira. É necessário apresentar um documento de identificação e ir de máscara.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]