Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Programa Emprega Juv está com vagas abertas para jovens do Alemão e Irajá; saiba como se inscrever

São dez cursos diferentes em ambas as unidades; comunicação comunitária, fotografia e edição de vídeos são algumas das opções
Foto: Thiago Guain / JUV Rio
Foto: Thiago Guain / JUV Rio

Alô, jovens de 15 a 29 anos do Complexo do Alemão e Irajá! Os projetos Papo de Futuro e Fala, Juventude! que compõem o Emprega Juv estão com inscrições abertas para dez cursos diferentes para os moradores desses territórios da Zona Norte. A iniciativa é da Secretaria Especial da Juventude Carioca (JUV-RIO) vinculada à Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro.

O projeto busca oferecer ferramentas que contribuam com a inserção dos jovens no mundo do trabalho, através de ciclos formativos mediados por equipe composta por educadores, psicólogos e assistentes sociais. Os ciclos formativos trarão noções essenciais acerca do autoconhecimento, visão de futuro/plano de ação, finanças e gerenciamento socioemocional, como também orientação profissional e educacional para qualificar suas percepções de mundo e atributos.

Confira os cursos disponíveis:

  • Comunicação Comunitária
  • Formalização de Negócios
  • Fotografia 
  • Drone 
  • Graffite
  • Design 
  • Edição de Vídeos
  • Produção de Eventos
  • Contação de Histórias
  • Escrita de Projetos

Como se inscrever

Para esta edição do Emprega Juv só poderão se inscrever os jovens residentes do Complexo do Alemão e Irajá, localizados na Zona Norte do Rio. 

Para se inscrever, basta responder aos formulários abaixo, de acordo com o território em que mora. 

Complexo do Alemão: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScHiZiRgT3aTFf33I6F9Uy-sQzVKwfjVrp_pRuMFpYV739xmA/viewform

Irajá: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSffXEyHJ8CmKcqYQFS6Tw9jh5MZnfuUVgGDg-_EyDAkSnPALA/viewform 

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

Veja também

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]