Redes municipal e estadual do Rio retomam ensino presencial

O retorno seguiu os protocolos sanitários contra a Covid-19; totens para higienizar as mãos e uso obrigatório de máscara
WhatsApp Image 2022-02-07 at 09.42.08

As redes municipal e estadual de ensino retornaram com as aulas hoje, segunda-feira (07). Nos últimos dias, a Prefeitura e o Governo do Estado publicaram algumas orientações para que volta segura. Algumas delas são: uso de máscara obrigatório, forte recomendação à vacinação e manter os ambientes arejados.

Protocolo sanitário para o retorno das aulas nas escolas estaduais:

  • Disponibilização de totens para higienizar as mãos com álcool em gel 70% em locais de circulação e na entrada de ambientes administrativos;
  • Limpeza dos dutos e filtros dos aparelhos de ares condicionados;
  • Higienização com álcool 70% ou hipoclorito de sódio 0,1% (água sanitária), dos pisos e paredes, das superfícies de toque e dos mobiliários e equipamentos das unidades escolares, diariamente;
  • Bebedouros serão lacrados, sem permitir que os alunos levem a boca diretamente para beber água;
  • Bebedouros com torneiras serão permitidos, caso os alunos estejam fazendo uso de suas próprias garrafas ou copos, de uso individual;
  • Todos os presentes na escola devem estar utilizando máscara de maneira correta: alunos, servidores e colaboradores. Além disso, escola deverá manter estoque suficiente de máscaras para disponibilização a alunos, servidores em casos emergenciais; 
  • A unidade escolar terá um espaço reservado – área de isolamento – para quem apresentar sintomas, onde o mesmo deverá permanecer até ser conduzido pelo responsável a uma unidade de saúde;
  • As unidades escolares deverão ter afixados os cartazes informativos. A conscientização da comunidade escolar é primordial na volta às aulas.

A equipe do Voz das Comunidades foi até à escola municipal Professor Affonso Várzea, no Complexo do Alemão, para acompanhar a entrada dos estudantes, na parte da manhã.

A unidade espalhou informativos pelos corredores, disponibilizou álcool em gel e optou por lacrar os antigos bebedouros. No lugar, foram instaurados os que possuem torneiras.

Assista o ao vivo na íntegra:

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]