Veja o calendário de vacinação contra a Covid-19 da semana de 30 de agosto a 04 de setembro

As unidades seguem aplicando a segunda dose, conforme a data estipulada no comprovante da primeira

Veja o calendário de vacinação contra a Covid-19 da semana de 30 de agosto a 04 de setembro

Foto: Divulgação / Prefeitura do Rio

A Secretaria Municipal de Saúde anunciou que chegou a vez dos adolescentes de 16 e 15 anos se vacinarem. Nesta segunda-feira (30), meninas com 16 anos poderão receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19. No dia seguinte, terça-feira (31), a vacinação será destinada aos meninos com 16 anos. E, no sábado (04), às pessoas com 15 anos ou mais. Em todos os dias, continua a vacinação permanente de Pessoas com Deficiência (PcD), gestantes, puérperas e lactantes com 12 anos ou mais.

Mais de 5 milhões de cariocas foram vacinados pela primeira dose ou dose única.
Foto: Divulgação / Prefeitura do Rio

Usando um vídeo com referência ao clássico game Super Mario, a Secretaria Municipal de Saúde anunciou a chegada da vacinação para os adolescentes de 15 e 16 anos. Os menores de 16 e 15 anos serão vacinados de forma alternada até o próximo sábado 4 de setembro. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, as unidades também seguem aplicando a segunda dose normalmente, conforme a data estipulada no comprovante da primeira.

https://twitter.com/Prefeitura_Rio/status/1432037529713250307?s=20

Terceira doses em idosos

Ainda de acordo com o Comitê Especial de Enfrentamento à Covid-19 do município do Rio, desta quarta-feira, dia 1/09, até 10/09, os residentes de instituições de longa permanência (ILPI), com 60 anos ou mais, serão os primeiros vacinados pela terceira dose da vacina contra o coronavírus . Independentemente da vacina tomada nas duas primeiras doses, a dose de reforço será aplicada.

Foto: Divulgação / Prefeitura do Rio

Pessoas com algum tipo de deficiência devem apresentar laudo da rede pública ou particular, cartão de gratuidade no transporte público, documentos comprobatórios de atendimento em centros de reabilitação ou outro documento que indique a deficiência.

Gestantes e puérperas devem apresentar cartão de pré-natal, além da assinatura do termo de esclarecimento disponível no portal da Prefeitura do Rio. Aqueles que irão receber a vacina devem apresentar identificação original com foto, número do CPF e, se possível, a caderneta de vacinação. Quem for receber a segunda dose, deve levar também o comprovante da primeira aplicação.

Vale lembrar também que a proteção contra o vírus só é garantida após 14 dias da aplicação da segunda dose. Por isso, fique atento para não perder a sua data. É possível encontrar a unidade mais próxima da sua casa também acessando o portal.