Morador da Penha vira referência na prática de atividade física na rua

João Felipe Damazio é figura conhecida na comunidade e já alcançou muitos pódios por meio do esporte
Foto: Selma Souza / Voz das Comunidades
Foto: Selma Souza / Voz das Comunidades

Morador do Complexo da Penha, mais especificamente da Rua Ardiria, João Felipe Damazio, de 23 anos, há 3 anos é praticante da modalidade de corrida de rua. O jovem começou no esporte em 2018 por meio do serviço militar, no qual enxergaram potencial nele no atletismo. Desde então, não parou mais de correr, e agora representa o Brasil em competições, na busca de ser um embaixador da atividade física na sua comunidade.

Atualmente, por influência deste potencial visto pelos seus superiores, João realiza a maioria dos seus treinos na Escola de Educação Física do Exército, que fica na Urca, zona Sul da cidade. Ainda assim, sempre que está na comunidade, utiliza a Praça do Rato, localizada ao final da sua rua, já no bairro de Olaria, para se manter em forma. O corredor já é figura conhecida de outros moradores que vão até a praça se exercitar. “Se você chegar aqui e perguntar meu nome, poucos vão saber, mas se falar do menino que corre, já sabem quem eu sou”. João auxilia moradores que praticam corridas na praça para melhorar a atividade física deles e até mesmo evitar lesões por falta de experiência.  

Benefícios da prática

A corrida é um dos exercícios físicos mais eficientes para quem quer perder peso com saúde. De acordo com alguns estudos, a corrida auxilia na diminuição dos riscos de doenças e melhora até aspectos emocionais, aumentando a longevidade do atleta. Esta atividade é frequentemente vista em ruas largas, longas e asfaltadas do entorno das comunidades do Rio. 

João sempre é procurado na região onde mora, por conta da prática de corrida de rua. Tanto para as pessoas da sua igreja, ADVEC PIÁ, quanto para outras, muitos moradores o procuram para pedir dicas. 
Foto: Sema Souza / Voz das Comunidades

Os treinadores Fred Altman e Ricardo Lamoglia são pessoas fundamentais no cotidiano de treinos do João, que corre cerca de 12km a 15km por dia. Mas não para por aí. Além da intensa rotina de corrida pelas ruas, a alimentação é um fator crucial para manter o condicionamento físico. “Sempre gostei de me exercitar, mas, quando entrei no exército, tive a oportunidade de ter uma disciplina maior e tive ajuda para treinar a maneira certa de correr e fui me interessando”. Muito mais do que um exercício, a corrida é um esporte de alto rendimento. 

Nestes poucos anos, João é integrante da equipe Rl Triathlon e da Ir Além Run. E, já coleciona 11 pódios em competições de corrida de rua. Ele fala de como a atividade física é um importante agente de transformação na vida das pessoas: “O esporte é vida. Ele nos ajuda a nos sentirmos melhor. E os benefícios da corrida são o prazer e a tranquilidade. Você se sente bem correndo. A corrida tira as pessoas do sedentarismo. O esporte está entrelaçado com a nossa vida. Seja você praticando pouco ou muito, mas pelo menos estando ali. Muitos na comunidade não tem condições de pagar uma academia e tal e uma simples corrida vira uma ótima alternativa”.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]