CBF NÃO desconsiderou acusação de injúria racial feita por Gerson, do Flamengo

Circula nas redes sociais uma captura de tela de uma suposta reportagem do portal GE. O texto diz que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) desconsiderou as acusações de racismo

Circula nas redes sociais uma captura de tela de uma suposta reportagem do portal GE. O texto diz que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) desconsiderou as acusações de racismo feitas pelo meio-campista Gerson, do Flamengo, contra Juan Pablo Ramírez, do Bahia. Em partida válida pelo campeonato brasileiro no último final de semana, o atleta diz ter sido alvo de ofensas racistas por parte do colombiano.

Por WhatsApp, a assessoria de imprensa da CBF afirmou que a peça de desinformação é absurda e que todo posicionamento oficial da confederação é publicado em seu site. O STJD, por sua vez, afirmou nesta segunda (21) que repudia qualquer tipo de discriminação e informou que aguarda o recebimento da súmula e do vídeo da partida para analisar a acusação.