Marcelo Freixo NÃO colocou seus advogados à disposição de Lázaro Barbosa

A alta frequência de compartilhamentos de materiais enganosos tem sido uma constante nas redes sociais e grupos de compartilhamentos em massa quando o assunto é de interesse público. No início

A alta frequência de compartilhamentos de materiais enganosos tem sido uma constante nas redes sociais e grupos de compartilhamentos em massa quando o assunto é de interesse público. No início da semana passada, em relação às buscas no caso Lázaro Barbosa, mais um conteúdo desinformativo circulou nos meios de comunicação. Agora, com o nome do deputado federal Marcelo Freixo (PSB).

Nas redes sociais e em aplicativos de mensagens instantâneas, circula a imagem de Marcelo Freixo ao lado de uma frase associada ao deputado: “Nossa comitiva de advogados já convenceu o CNJ (Conselho Nacional de Justiça) de que o Lázaro é uma vítima da perseguição policial aos negros! Ele merece tratamento humanizado”. O conteúdo é uma publicação FALSA. 

Em seu próprio Twitter, o deputado federal posicionou-se a respeito do material enganoso, alegando que o foco atual de sua gestão é defender o Brasil contra as políticas do presidente Jair Messias Bolsonaro. 

Em seu perfil no Twitter, Freixo desmente os materiais enganosos.
Foto: Reprodução.