OMS NÃO criou cronograma de futuras cepas do novo coronavírus

Nas redes sociais, uma suposta informação da Organização Mundial da Saúde (OMS) afirma que o Fórum Econômico Mundial e outras organizações teriam criado um cronograma de liberação de futuras cepas

Nas redes sociais, uma suposta informação da Organização Mundial da Saúde (OMS) afirma que o Fórum Econômico Mundial e outras organizações teriam criado um cronograma de liberação de futuras cepas do novo coronavírus. O objetivo é forçar uma vacinação periódica da Covid-19, segundo o post. A legenda diz ainda que as vacinas encheriam o corpo de óxido de grafeno para conectar as pessoas à internet 5G. Mas, tudo não passa de INFORMAÇÕES FALSAS.

A tabela apresentada como uma possível prova de um cronograma de “cepas fabricadas da Covid-19” não tem relação com as datas em que foram de fato identificadas diferentes versões do novo coronavírus. De acordo com a publicação, a variante zeta, detectada no Brasil em outubro do ano passado, por exemplo, seria “liberada” em agosto deste ano. Já a delta, sequenciada na Índia também em outubro de 2020, ficaria conhecida apenas em junho deste ano, segundo a publicação. Esse desencontro das datas na imagem mostra que se trata de um conteúdo sem nenhuma base científica.

Confira a falsa imagem:

A legenda do post falso também diz que tal cronograma seria “oficial” e disponibiliza um link da OMS. Contudo, o endereço eletrônico leva ao site onde a organização descreve o monitoramento que realiza para cada uma das cepas.
Foto: Internet

Vale lembrar que cepas são variantes que sofreram mutações genéticas, podendo se tornar mais contagiosas que as originais, mas que ainda mantêm a maior parte das características do vírus primário.

Nesse post, como se observa, há uma sequência de letras do alfabeto grego usadas pela OMS, desde junho de 2021, para nomear as cepas do novo coronavírus – onde são listadas 21 variantes -. Segundo a publicação, elas começaram a ser liberadas a partir de junho de 2021. Contudo, pelo menos nove das cepas já foram identificadas antes das datas da falsa publicação.

A transmissão de conteúdos falsos a respeito qualquer assunto é extremamente grave. Tem muitas consequências e pode afetar a vida de alguém de diversas formas. Verifique as informações antes de compartilhar em grupos de família, amigos ou quaisquer outros.