Vacina da Pfizer contra o coronavírus NÃO terá chip da Microsoft

A procura constante sobre materiais relacionados ao combate do coronavírus é uma das preocupações diárias dos moradores nas comunidades cariocas. Com o aumento do interesse da população a respeito da

A procura constante sobre materiais relacionados ao combate do coronavírus é uma das preocupações diárias dos moradores nas comunidades cariocas. Com o aumento do interesse da população a respeito da temática, o crescimento de publicações focadas na desinformação dos leitores também cresceu. 

Nesta perspectiva de conteúdos enganosos, tem circulado em grupos de mensagens instantânea a publicação sobre uma atualização no imunizante da Pfizer. De acordo com a publicação, a vacina terá um chip da Microsoft para prevenir efeitos colaterais da fabricante. 

Tal conteúdo compartilhado nesses canais de comunicação é FALSO. A própria empresa farmacêutica publicou, em nota, o posicionamento sobre o material. 

“Com relação às informações que têm circulado em redes sociais e aplicativos de mensagens sobre a vacina ComiRNAty, contra a Covid-19, produzida pela Pfizer e BioNTech, esclarecemos: é falsa a informação de que está havendo atualização na formulação da vacina com a implantação de um chip da Microsoft no produto”, destaca a nota.

A desinformação sobre o Covid-19 e sobre a vacinação é extremamente perigosa. A pandemia do vírus já vitimou mais de 470 mil brasileiros e é necessário combater o compartilhamento de mensagens falsas.

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]