Cedae fará sanitização em 23 comunidades nesta semana

Ações acontecem desde o dia 24 de abril e já atenderam mais de 300 favelas
Sanitização Cedae - Complexo do Urubu2

O combate ao Covid-19 exige medidas em diversas áreas da cidade. Uma das ações tomadas é a sanitização das comunidades do Rio de Janeiro, que acontece desde o dia 24 de abril e já atendeu mais de 300 lugares. Na próxima semana, a Cedae vai levar as ações de sanitização para 23 comunidades.
 
A desinfecção é conduzida por agentes especializados, com equipamentos de proteção individual (EPIs), que utilizam nebulizador a frio para borrifar um produto com efeito desinfetante, chamado quaternário de amônia de quinta geração e biguanida polimérica (phmb), nas vias e equipamentos públicos das localidades. O produto age como uma película que mata os microorganismos do local (vírus, bactérias, fungos e ácaros) e se mantém por até 30 dias, dependendo das circunstâncias externas e circulação de pessoas.

Com uma nova proposta de entretenimento, Konteiner volta com atividades no alto da Vila Cruzeiro

Programação da sanitização:

20/07 – Escondidinho (Rio Comprido)
20/07 – Gumercindo Bessa (Rio Comprido)
20/07 – Morro do Pau Ferro (Encantado)
20/07 – Comunidade Abadiana (Jacarepaguá)
21/07 – Coréia (Senador Camará) *
21/07 – Jacaré (Santíssimo) *
21/07 – Saibreira (Bangu) *
22/07 – São Jerônimo (Campo Grande) *
22/07 – 1º de Abril * 
22/07 – Gouveias *
22/07 – Rua 29 de Março (Paciência)
23/07 – Parque Vila Nova (Osvaldo Cruz)
23/07 – Vila Frei Sampaio (Marechal Hermes)
23/07 – Comunidade Nossa Senhora da Glória (Bento Ribeiro)
23/07 – Comunidade Vila Tenente – Alcides Maia (Bento Ribeiro)
23/07 – Comunidade Jorge Turco
24/07 – Comunidade Cascatinha – Estrada do Sacarrão
24/07 – Comunidade Beira Rio – Rua Itajace (Anchieta) 
24/07 – Comunidade Planalto – Rua Delcriciano Ramos (Anchieta)
24/07 – Jardim do Carmo (Irajá) *
25/07 – Vila Santa Terezinha
25/07 – Regata
25/07 – Gardênia Azul *

*Comunidades já sanitizadas anteriormente.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]