Ato a favor da saúde pública acontece amanhã em frente a UPA do Alemão

A UPA fica na Estrada do Itararé, uma das principais vidas do Complexo do Alemão
upa

Pacientes, moradores e presidentes das associações de moradores do Complexo do Alemão vão se unir na manhã da próxima quinta-feira, dia 20 de fevereiro às 8h, em frente a Unidade de pronto Atendimento Dra. Zilda Arns, a UPA do Alemão, para um grande ato a favor da saúde pública.

A convocação já circula nas redes sociais convidando todos para somar na manifestação e participar do abaixo-assinado, que pede a volta dos profissionais da Clínica da Família, do CAPS e da UPA.

Em nota, a assessoria de comunicação da prefeitura afirma que o espaço de saúde continua recebendo pacientes, mas assume os problemas na prestação dos serviços. De acordo com a nota, a partir de sexta-feira, dia 21 de fevereiro, a RioSaúde toma posse como gestora das unidades e um novo concurso voltado para profissionais de saúde da família está em andamento.

Leia a nota completa:

A Clínica da Família Zilda Arns e o CAPS João Ferreira Silva Filho estão funcionando. Hoje  na CF Zilda Arns estão sendo realizados curativos, coleta de exames, consultas e vacinação. O CAPS também está funcionando e realizando atendimentos.

A Secretaria Municipal de Saúde vem adotando medidas para garantir para o cumprimento do contrato pela OS Viva Rio. A organização social não pode descumprir integralmente o contrato que tem com a Prefeitura.

É importante destacar que, justamente por esses problemas verificados na prestação de serviço, a Prefeitura decidiu substituir a OS pela RioSaúde.

Numa reunião na quinta-feira, com representantes da Defensoria, a Organização Social se comprometeu a manter as unidades funcionando e com quadro profissional completo até o fim do contrato, no dia 20. A OS informou que faria uma contratação emergencial de profissionais, se fosse preciso.

A RioSaúde assume a gestão das unidades no  próximo 21 e já tem um novo concurso voltado para profissionais de saúde da família.

Nesta segunda-feira (17), cerca de 211 profissionais, entre eles dentistas, nutricionistas, assistentes sociais, técnicos de enfermagem e radiologia, foram chamados pela RioSaúde para atuar nas unidades que vai assumir em substituição a essa OS.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]