Complexo do Alemão pode receber moeda social

10

A prefeitura do Rio com a Subsecretaria Nacional de Economia solidária quer implementar uma moeda social no Complexo do Alemão. O projeto está sendo discutido no Encontro Global de Bancos Solidários de Desenvolvimento, no Ceará, que começou na última terça-feira (4).

A coordenadora de Economia solidária da prefeitura do Rio, Ana Sasti, diz que a moeda vai circular entre os produtores e estabelecimentos de comércio, unido a um banco local, com objetivo de fortalecer a economia da região.

Moeda social é uma alternativa a moeda oficial e leva em consideração as características de cada região.  A troca com moradores locais é voluntaria e busca o bem estar social. Porém, a moeda não substitui o real.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]