Esgoto toma conta de principal via da Fazendinha, no Complexo do Alemão

WhatsApp Image 2018-08-28 at 11.25.20

Entre as esquina das ruas Austregésilo com a Projetada, principais vias de acesso da Fazendinha, em Inhaúma, que é possível encontrar mais um dos bueiros entupidos no Complexo do Alemão.  

De acordo com moradores, o esgoto começou a subir após o entupimento da tubulação há pouco mais de um mês e o problema, que é comum na comunidade, se intensificou a partir de 2010 após as obras do PAC (Programa de Aceleração de Crescimento).

MAL CHEIRO

“Isso aí estourou 20 dias depois daquela chuva braba! Infelizmente está tudo entupido e isso vem desde quando fizeram as obras. Dá para perceber que o material usado foi de péssima qualidade e pelo que estamos acompanhando aqui, entrou muita areia na tubulação. Às vezes a CEDAE aparece e coloca o cabo para desentupir um bueiro ou outro, mas não fazem nada para evitar que aconteça outra vez.” – comenta Alex Alves, conhecido como Lekinho da marmoraria.

Ainda de acordo com moradores, a  CEDAE é chamada com frequência e aparece para realizar o processo, mas dias depois o problema sempre retorna e o mal cheiro toma conta de todo o local, chegando a ficar insuportável por alguns momentos e obrigando o fechamento do comércio local.

Até o momento não recebemos retorno da CEDAE.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]