Mesmo com determinação de comandante, policiais continuam em lajes de moradores do Alemão

WhatsApp Image 2017-02-07 at 16.46.17

O ‘Voz das Comunidades’ recebeu na tarde da última segunda-feira(06) uma denúncia de moradores da Praça do Samba, no Complexo do Alemão, dizendo que policiais invadiram quintais e lajes para usar como base para troca de tiros com traficantes na região. As denuncias vieram com fotos e vídeos, mostrando os militares em lajes e até mesmo janelas das casas.

Moradora, que preferiu não se identificar, registrou um dos militares sentado em um banco em cima da laje de uma das casas da comunidade Foto: Enviada por moradores por whatsapp

Nossa equipe entrou em contato com a assessoria de comunicação da Coordenadoria de Polícia Pacificadora, a CPP, e  eles nos responderam em nota afirmando: “O comandante da UPP NOVA BRASÍLIA, Major Zumba, determinou imediatamente a saída dos policiais do local”. Mesmo com a determinação do major Zumba, comandante da Upp Nova Brasília, na manhã desta terça feira (07) moradores continuaram a enviar fotos e relatos de militares em lajes de suas casas. Enviamos novamente mais uma nota para a assessoria de comunicação das Upps, para saber sobre a quebra da determinação do comandante.

Nossa equipe ainda está em cima do caso.

 

 

 

 

 

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]