Mortes no Alemão serão investigadas pelo Ministério Público

WhatsApp Image 2020-05-15 at 17.42.43

O cenário de guerra, vivenciado pelos moradores do Complexo do Alemão na última sexta-feira (15), será investigado. O pedido partiu do Núcleo de Defesa dos Direitos Humanos (Nudeh) da Defensoria Pública do estado do Rio para o Ministério Público estadual. As investigações serão sobre as mortes ocorridas durante a operação das polícias Civil e Militar, através da Desarme e do Batalhão de Operações Especiais (Bope). O delegado titular da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme), Marcus Amim, divulgou que foram confirmadas 13 mortes na operação até este sábado (16).

Leia também:

Favelas do Rio registram 9 novos casos e 6 mortes de COVID-19 neste sábado (16)

Prefeitura do Rio ganha na justiça o direito de construção do tomógrafo na igreja Universal na Rocinha; medida ainda cabe recurso

Dia do Gari: agradecimento a quem luta na linha de frente da pandemia

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]