No Alemão, rua cede e moradores cobram urgência no início das obras

WhatsApp Image 2020-03-17 at 14.19.56

Um buraco se abriu na Rua das Torres e os moradores da comunidade das Palmeiras, no Complexo do Alemão, zona norte do Rio, pedem urgência no início das obras do local. As crianças curiosas e a chegada de uma chuva forte são algumas preocupações de quem vive próximo ao local. De acordo com a boleira Erivania Gomes, a rua cedeu entre a madrugada de quinta (12) para sexta da última semana. “Quando acordei para levar as crianças na escola já estava assim. Tem algumas crianças que já são um pouco mais teimosas, né? Ficam olhando, na beirada. A gente tem que ficar de olho toda hora. É um perigo.”

Erivania conta que um técnico da Defesa Civil esteve no local na sexta (13), acompanhado da associação de moradores e no sábado pela manhã também retornaram para novas avaliações. “Acontece é que temos exatamente uma explicação do que aconteceu. Quando o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) veio fazer a instalação de esgoto, cortaram as vigas que sustentavam. Com o tempo, passando carros e caminhões, foi cedendo. Não ouvi nenhum barulho na madrugada”. Apesar do tamanho do buraco, que agora está sinalizado, ninguém se feriu.

“Tem algumas crianças que já são um pouco mais teimosas, né? Ficam olhando, na beirada. A gente tem que ficar de olho toda hora. É um perigo.” Foto: Morador / Voz das Comunidades

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]