Instituto Raízes em Movimento cancela o Circulando 2020

2020 seria sua 15º edição, mas devido a pandemia o evento foi cancelado
47214519_2058669830857220_940892227767369728_n

O Circulando Diálogo e Comunicação na Favela é um evento de arte e cultura, organizado pelo Instituto Raízes em Movimento todos os anos, principalmente na localidade da Central, no morro do Alemão. A primeira edição foi em maio de 2007. O evento reúne milhares de pessoas por edição, entre crianças, jovens e adultos, para apreciar e fazer arte no Complexo Alemão como protagonistas de um processo em rede.

Em 2020, seria a 15º edição do Circulando, mas, devido à pandemia, alto índice de pessoas com Covid-19 e o risco de contaminação, o Raízes em Movimento publicou uma nota esclarecendo sua posição diante dessa situação.

“É com muita tristeza que nós, do Instituto Raízes em Movimento, informamos que esse ano não teremos nosso grande encontro com o CIRCULANDO: DIÁLOGO E COMUNICAÇÃO NA FAVELA. Desde 2007, essa é a segunda vez que não realizaremos o projeto. Estamos passando por um período árduo e doloroso nesses últimos meses de 2020 com o avanço da pandemia do novo Coronavírus que já ceifou milhares de vidas no mundo. Como não estar em aglomerações é uma das orientações das organizações de saúde mundiais, avaliamos que o mais prudente nesse momento é não realizar o CIRCULANDO”.

O número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus nas áreas de favelas tem crescido diariamente, conforme os dados do painel Covid -19 nas favelas.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]