Prefeitura entrega apostilas do ensino fundamental a moradores do Alemão

9 pontos realizaram as distribuições dos materiais escolares e kits de higienização
WhatsApp Image 2020-06-10 at 19.09.29

Desde a última segunda-feira (08/06), a prefeitura da cidade do Rio separou em nove pontos do Complexo do Alemão as apostilas escolares da rede municipal de ensino, destinadas a estudantes sem condições de acesso ao material. As apostilas pedagógicas do Ensino Fundamental Carioquinhas e Pré-Escola, cadernos do 1° ao 5° ano e álcool em gel, foram distribuídas entre as associações de moradores da Grota, Nova Brasília, Alvorada, Baiana, Morro do Adeus, Palmeiras, Caixa d’água e no Projeto Associação Semear Liberdade (localizado Condomínio das Palmeiras ao lado da Escola Municipal Vera Saback, na Avenida do Itararé).

Marquinho Balão é presidente da Associação de Moradores da Grota, no Alemão. Foto: reprodução

Tendo em vista as muitas dificuldades dos moradores de favelas com o atual modelo de ensino a distância, a Secretaria Municipal de Educação disponibilizou as apostilas escolares a moradores que não estavam conseguindo ter acesso ao material. Uma das dificuldades é a ausência de meios para acessar o material de estudo, como internet ou até aparelhos, como smartphones ou computadores.

A intenção da Secretaria de Educação era que fosse uma disponibilização sigilosa, mas sem deixar de atender aos moradores. As recomendações para distribuição visavam a qualquer custo evitar aglomerações na hora da entrega do material escolar, por isso não houve divulgação por parte das associações ou até mesmo do Voz das Comunidades sobre as apostilas. 

A ação que anteriormente estava marcada para  21 de maio foi suspensa devido a violenta operação policial que ocorreu naquele dia e resultou na morte de 12 pessoas. Fora o fechamento da Vila Olímpica Carlos Castilho, localizada próxima da entrada da Grota, devido às medidas adotadas contra a Covid-19.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]