Projeto social abre vagas para oficinas e workshops de música

A Iniciativa do Música Contemporânea nas Comunidades (MCnC) é completamente gratuita e voltada para jovens moradores de favela
MCnC

Foto: Anderson Valentim

Incentivando a transformação social e o desenvolvimento pessoal através da música e da liberdade criativa, o projeto Música Contemporânea nas Comunidades (MCnC) realiza oficinas e workshops gratuitos para crianças e adolescentes moradores de favela no Rio de Janeiro.

O MCnC é uma iniciativa voltada para jovens de comunidades periféricas da cidade do Rio de Janeiro e oferece workshops 100% gratuitos com temáticas voltadas para música, juntando conhecimento e como aplicar eles.

Aos cuidados dos músicos e professores Janaína Pires e Mike Ryan, a ação social explora os pilares do autoconhecimento, autonomia, curiosidade e pertencimento local utilizando os ritmos musicais como centro da atuação.

Segundo Janaína, a música e a criatividade não possuem limites. Assim, ambas áreas tornam-se uma ferramenta potente para os estudantes do projeto social. Através delas, os conhecimentos que envolvem outras temáticas relacionadas ao cotidiano das favelas são transmitidas.

As inscrições para os workshops já estão abertas e vão até o dia 16 de setembro. Os interessados podem se inscrever através da plataforma da iniciativa neste link.

Foto: Reprodução / Divulgação Música Contemporânea nas Comunidades

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]