Campanha arrecada doações para moradores de favelas do Rio

103002090_142132400806994_6935852873566879215_o

A pandemia do novo Coronavírus preocupa moradores das favelas de todos o Brasil, principalmente por serem territórios de grandes aglomerações, facilitando contágio e transmissão da doença (Covid-19). Pensando nisso, a ONG Voz das Comunidades criou a campanha PANDEMIA COM EMPATIA, que pretende arrecadar materiais para que famílias mais vulneráveis tenham condições de mantes os cuidados orientados pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

O pedido é que as doações sejam feitas através de transferências, priorizando depósito bancário e pic pay, para evitar que mais pessoas se ponham em risco nas ruas. Todo o valor arrecadado será destinado para a compra de água, álcool em gel e sabonete. A necessidade é urgente, pois em algumas favelas o abastecimento de água não é feito com frequência, fazendo com que algumas casas fiquem até 15 dias de torneiras secas.

A equipe está se organizando para realizar a ação. A ideia é que a compra e a distribuição sejam feitas no mesmo dia para evitar o trânsito de pessoas na Casa Voz, sede do Voz das Comunidades.

Outras organizações e líderes comunitários também estão empenhados e trabalham ativamente, na linha de frente, contra a #COVID19NasFavelas. É o caso do Coletivo Papo Reto, que junto com o Voz, está alertando a comunidade sobre a doença, que pode ser fatal, com faixas e panfletos. Avisos também estão sendo feitos através de sirenes da Defesa Civil, já espalhadas pela comunidade.

Faixas são colocadas em locais estratégicos do Alemão. Foto: Coletivo Papo Reto

“Nossa equipe estava com todo o planejamento para iniciar a tradicional ação de Páscoa, que ano passado alegrou mais de 10 mil crianças das favelas, mas, infelizmente, será impossível realizar em 2020. Nesse período estamos focados na pandemia e a meta é ajudar o máximo de famílias do Complexo do Alemão. Estamos evitando o contato com as pessoas, então é importante que as doações sejam feitas em dinheiro.” Rene Silva, presidente da ONG Voz das Comunidades.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]