Centro de Referência da Assistência Social irá realizar uma ação no EDUCAP, no Alemão

cras

O Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), irá realizar na próxima semana o cadastramento, recadastramento e atualização de cadastro de programas sociais. A ação vai acontecer nos dias 10, 11 e 12 de março, das 09h às 15 horas no EDUCAP/CRDH do Campo do Sargento, localizado na Rua Canitar, s/n.

O CRAS é responsável pelo atendimento de programas federais, estaduais e municipais como o Pró-Jovem. O projeto também permite a inclusão no Cadastro Único (CadÚnico) do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, porta de entrada para programas como o Bolsa Família, Renda Melhor, o Cartão Família Carioca, entre outros.

Durante uma entrevista em 2011, na inauguração do Centro de Referência, o prefeito Eduardo Paes declarou que “O Estado está agora cumprindo com o seu papel que é o aporte de recursos, a ajuda no gerenciamento e coordenação das ações da prefeitura. O CRAS é um dos equipamentos mais importantes de uma gestão porque lida diretamente com o indivíduo. O Estado e a Prefeitura estão trabalhando juntos. Nós priorizamos o entendimento, o que mais vai beneficiar a população.”

De acordo com Lúcia Cabral, diretora do EDUCAP, existe a possibilidade de distribuição de senhas, que vai depender da quantidade de pessoas na fila para atendimento.

A ação é destinada apenas aos moradores do Conjunto de Favelas do Complexo do Alemão, que também podem comparecer ao local para tirar dúvidas e assistir palestras informativas sobre os programas.

Não esqueça de levar os documentos necessários!

Para quem tem mais de 18 anos, é indispensável a apresentação do RG, CPF, Carteira de trabalho, comprovante de residência e Título de eleitor.
Para os dependentes e menores de 18, a Certidão de nascimentos, Cartão de vacina e declaração escolar são essenciais. Todos os documentos devem ser originais.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]