Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Ídolo do funk, MC Marcinho morre aos 46 anos

Artista já estava internado há 2 meses e necessitava de cuidados especiais
Foto: Reprodução

Um dos grandes precursores do funk melody, MC Marcinho, faleceu neste sabado (26). A informação foi confirmada pela assessoria.

Internado há 2 meses, o artista já necessitava de ventilação mecânica, coração artificial e hemodiálise para se manter vivo. No dia 8 de agosto, o boletim dl Hospital Copa D’Or divulgou uma nota informando que o cantor permanecia com o quadro estável, sob a necessidade de cuidados peculiares. No dia 22 de agosto, MC Marcinho teve piora no quadro de saúde, com infecção generalizada.

Dono dos hits como “Glamourosa” e “Garota Nota 100”, MC Marcinho marcou gerações com suas músicas. Em 2022, ele lançou os singles “Salve Favela” (com Babu Santana) e “Desce Travando”. Neste ano, MC Marcinho lançou “Quero te Levar” e “Vem N1” nas plataformas digitais. Além disso, o artista ainda tinha participação na trilha sonora da azia parte da novela Vai na Fé, da TV Globo.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

Veja também

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]