Moradores da Vila Kennedy pedem por melhorias básicas além da segurança

WhatsApp Image 2018-04-04 at 1.22.31 PM

Os moradores querem segurança, mas também reivindicam serviços básicos que não funcionam na Comunidade.

Eles afirmam que a UPA da Vila Kennedy, construída em 2014, nunca funcionou. Já a Secretaria Municipal de Saúde alega que a Unidade de Pronto Atendimento já voltou a funcionar.

Além da área da Saúde, os moradores reclamam da falta de programas na Vila Olímpica. A Subsecretaria Municipal de Esportes e Lazer disse que apenas duas vezes as atividades foram interrompidas, por falta de luz e a primeira por um tiroteio.

Entramos em contato com o correspondente Júnior Santana, morador da Vila Kennedy e ele nos afirmou que a UPA voltou a funcionar normalmente após alguns acertos com a Prefeitura. E a Vila Olímpica, que realmente ficou um tempo parada, reabriu e voltou com suas atividades.

Continuaremos em contato com os locais para maiores informações sobre a comunidade.

 

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]