Ônibus colide em poste de energia elétrica na antiga Rua do Sol

(Crédito: Secom Maceió)
(Crédito: Secom Maceió)
(Crédito: Secom Maceió)
(Crédito: Secom Maceió)

Da Redação
Voz das Comunidades Alagoas

Um ônibus da empresa Veleiro, de placa GVQ 1546, que faz a linha João Sampaio/Centro, colidiu na tarde desta segunda-feira (22), com um poste na antiga Rua do Sol, em frente ao prédio do Instituto de Criminalística de Maceió.

Segundo populares, o motorista que saia da Rua do Comércio, um dos principais corredores de ônibus do Centro de Maceió, abriu demais no momento em que fazia a manobra para sair da rua e, por falta de atenção, acabou colidindo com o poste de alta tensão que ficou partido em dois pedaços e está preso pelo cabeamento de alta tensão que passa pela região.

De acordo com a Eletrobras distribuição Alagoas, a região já está sem energia elétrica e técnicos da empresa já se deslocam para o local para realizar a reposição do poste e analisar se algum cabeamento foi afetado com o acidente para não prejudicar o fornecimento de energia.

Segundo a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), o trânsito na região está caótico e muito lento. Militares do do 1º Batalhão de Polícia Militar (BPM) que cuidam do policiamento ostensivo na região do Centro de Maceió, estão orientando aos motoristas para desviarem pela antiga Rua do Sol. A SMTT alerta aos condutores que pretendem circular na região que mudem seus percursos, pois a região do Centro está com o trânsito muito congestionado.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]