Pelada dos Amigos vai doar alimentos nos Complexos do Alemão e Penha

eb1cdcc6-4831-4637-8f17-0174503b626a

Uma pelada entre amigos durante a reunião de confraternização de fim de ano foi o primeiro passe para um projeto que resultaria em benefício ao próximo. A Pelada dos Amigos é uma iniciativa de um grupo de jovens de Olaria, que há 8 anos, realiza uma campanha de doação de alimentos não perecíveis que são doados igrejas de comunidades do Complexo do Alemão e Penha.

A pelada começa às 11h no Campo do Furão, atrás do 16º batalhão, quase no  final da rua Paranhos. Os jogadores são divididos em 4 times e no total, 40 pessoas vão participar do Torneio, que no fim será comemorado durante o encontro que acontece no  Pagode 360, no Clube Olariense (Rua Paranapanema). O ingresso para participar da festa são 2kg de alimentos.

“Uma estrutura será montada para receber os artistas de uma maneira mais confortável. Vai rolar um almoço para os convidados, com um churrasquinho maneiro”. – conta Alessander  Cardoso, um dos organizadores do encontro. Sobre as doações, Alessandre também comenta que, além das doações, que valem como entrada no Pagode, alimentos são comprados a partir da colaboração de todos os presentes e conta com o apoio de todos.

“Um amigo que mora aqui em Olaria tem uma boa influência no mundo do pagode. Apresentamos o nosso projeto aos artistas e toparam em ajudar com a presença. O cantor Dinei é um dos que estão com a gente desde o ano passado. Queremos que todos venham aproveitar. Quem quiser vai lá no palco e canta quantas músicas quiser e na hora que quiser. Todos estão vindo no amor. Desde já agradecemos a presença do público para fazermos uma festa linda.”

 

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]