Primeira agência de narrativas abre vagas para jovens de favelas do Rio

cms-image-000445528

Até o dia 29 de julho, estarão abertas as inscrições para a Agência de Narrativas, que estreará sua primeira turma para jovens de 17 a 24 anos que pensarão e farão jornalismo. Com iniciativa do Observatório de Favelas e parceria com o Datalabe, a agência beneficiará moradores de periferias do Rio de Janeiro .

A agência escolherá 10 jovens de favelas da Região metropolitana do Rio que farão reportagens , vídeos e outros materiais jornalísticos  As aulas acontecerão às terças e quintas, das 9h às 13h , na sede do Observatório de Favelas,no Complexo da Maré. O projeto terá duração de 10 meses e os participantes receberão um auxílio de 800 reais mensais.

A pré inscrição deverá ser feita no link. Os candidatos selecionados receberão um e-mail e serão chamados para a entrevista.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]