Relacionamento abusivo: Saiba como identificar

E1BB2215-7276-4D12-B6B3-24F157E4BC2C

Nesse dia dos namorados o Voz das Comunidades através desse texto traz um alerta. 3 em cada 5 relacionamentos são abusivos. Em geral atinge mais mulheres, pesquisas apontam que 70% das mulheres sofrem violência ao longo da vida. Mas o que é relacionamento abusivo e como identificar?

No geral relacionamento abusivo acontece quando uma das partes quer domínio sobre a outra. De imediato a palavra abuso é ligada ao abuso sexual ou à agressão física, mas abusivo psicológico também é uma forma de violência. Nos relacionamentos abusivos o abusador costuma ser manipulador, possessivo e constantemente te faz sentir culpado (a) pelos erros dele.

Aqui estão 4 sinais possíveis de se viver em um relacionamento abusivo:

1. Te faz abandonar amizades e a sua família por causa dele (a).
Acha que somente ele pode estar na tua presença e receber teu afeto.

2. Se acha no direito de controlar suas escolhas.
Quer controlar onde você pode ou não pode ir, o que deve ou não vestir.

3: Abusos emocionais.
Xingamentos, humilhações, gritos, destrói sua autoestima, faz ameaças, te trai e mente para você.

4: Manipulações e chantagens.
Transforma situações de maneira a beneficia-lo (a) sempre.  

Na maioria dos casos só identificamos que estamos dentro de um relacionamento abusivo quando saímos dele. Fique atento aos sinais.

 

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]