Rene Silva e Renato Moura são detidos enquanto faziam cobertura de invasão no Alemão

14488897_1229210810471613_1002765290_o

O fundador e editor-chefe do jornal Voz das Comunidades, Rene Silva e o fotógrafo Renato Moura foram presos pela Polícia Militar e encaminhados para a 45DP (Alemão) no fim da manhã de hoje acusados de desacato e desobediência.

Os comunicadores faziam a cobertura da remoção da Favelinha da Skol, na Avenida Itaóca, quando não obedeceram a ordem da PM que os obrigaram a desligar os equipamentos, para que não registrassem a ação.

“Um dos policiais arrancou o celular da minha mão e eu fui atrás, nesse momento ele me deu voz de prisão por estar desobedecendo ordem. Nisso, fui algemado e levado para a delegacia. Ainda no carro, pediram meu celular novamente, que já estava com eles.” – Disse Rene Silva, após ser liberado.

A página do Voz da Comunidade denunciou ao vivo e até o momento, as polícias Civil e Militar não comentaram a prisão dos jovens.

A Anistia Internacional e a Defensoria Pública enviaram representantes para auxiliar os jovens no caso e estão recebendo assistência da doutora Eloisa Samy.  A reação truculenta da polícia será denúncia.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]