#Sextou: Confira dicas de lazer para os dias de 09 a 11 de novembro

nabatida1

Sexta-feira é o dia oficial de procurar as melhores oportunidades de lazer e entretenimento pela cidade. Falta de evento não é desculpa para ficar em casa, e por isso vamos apresentar um apanhado com os principais eventos da cidade do Rio para um final de semana repleto de atividades. Confira:

09 de novembro

Morro de Alegria: Comemoração ao Dia Mundial da Favela. A festa será realizada no Campo do Ordem, na Vila Cruzeiro, a partir das 22h. O comando da atração fica por conta de: Dj Rennan da Penha, Grupo Clareou, Dj Tartaruga, Átila Rodrigues, André Bolinho e mais.

Flup 2018: A Festa Literária das Periferias acontece a partir das 14h na Biblioteca Parque Estadual, no centro da cidade, do dia 09 ao 11 de novembro. Uma programação de peso compõe o evento, entre as atrações de sexta: Páginas Reveladas (Maria Duda, SK e Rayane); Rio Petry Slam (Campeonato de Poesia Falada); Nossos Passos Vêm de Longe, com Farias e Ungulani Ba Ka Khosa e, Flup Slam BNDES (Campeonato Brasileiro de Poesia Falada).

MAR de Música: Consciência Negra
O Museu de Arte do Rio recebe Xênia França e Jamaicaxias para uma curta apresentação as 17h.

Luccas Carlos e Xamã realizam shows completos no Viaduto de Madureira a partir das 22h. Os ingressos do primeiro lote custam R$20,00 e do segundo R$25,00.

Na Batida: Filipe Ret e Juninho 22 comandam a quadra da Caprichosos de Pilares com ingressos do primeiro lote a R$10,00.

10 de novembro

Uma nova edição da Batekoo agita a Sacadura 154, na Saúde – Centro do Rio. Lia Clark e Azelia Banks são as responsáveis por animar o público. Os ingressos antecipados custam a partir de R$15,00.

Na sexta a programação da Flup (Feira Literária das Periferias) é: Quando Lemos a Nós Mesmos, com Carla Fernandes e Mtima Solwasi; Revoluções Invisíveis, por Ana Maria e Marcelo D’Salete; As Áfricas Possíveis (Felwine Sarr e Talyne Selado); Prêmio Carolina Maria de Jesus e Final da Rio Poetry Slam. A iniciativa acontece  na Biblioteca Parque e tem início às 14h.

11 de novembro

Em celebração ao Dia do Hip-hop, o Parque Madureira é palco de grandes atrações como: Dj Will Ow Marcão, So Lyma, Mc’s Yas Werneck, Chico Tadeu e Juju Trade3. Além das performances dos grafiteiros Fael Tujavil, Priscila Rooxo entre outros.

O último dia da Flup na Biblioteca Parque contará com: Primeira Pessoa (Ana Paula Lisboa, Spartakus Santiago e Renê Silva); 40 anos de Cadernos Negros (Esmeralda, Márcio Barbosa e Selma Maria); E Quando Eles Não Admitem que São Racistas? (Mamãe Fatou, Niang e Robkhaya Diallo) e, Flup Slam BNDES (Campeonatos Brasileiro de Poesia Falada FINAL). O evento é gratuito e tem início às 14h.

Feira Crespa 4 anos – Primavera Africana
Edição reúne moda, artesanato, gastronomia, espaço kids, show Syntonos e MC Espanhol, roda de samba, exposição literária se Tiago Dias e mais. O evento é gratuito e será realizado na Arena Carioca Jovelina Pérola Negra.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]